Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9854
Título: Movimento estudantil contemporâneo : uma análise compreensiva das suas formas de atuação
Autor(es): de Sant'ana Brandrão Costa, Carla
Palavras-chave: Movimento estudantil contemporâneo; análise compreensiva
Data do documento: 2004
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: de Sant'ana Brandrão Costa, Carla; Weber, Silke. Movimento estudantil contemporâneo : uma análise compreensiva das suas formas de atuação. 2004. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Resumo: Considerando a relevância dos diversos estudos realizados sobre o Movimento Estudantil, os quais investigam, em sua maioria, a ação dos estudantes durante a década de 1960, este trabalho tem como objetivo analisar a atuação do Movimento Estudantil na contemporaneidade, as situações e os temas que conduzem suas mobilizações, suas atuais formas de mobilização, seus projetos de ação dirigidos para as questões referentes ao ensino superior, como também a forma sob a qual a memória desse movimento se apresenta na argumentação dos seus representantes. São ainda estudadas as maneiras como as práticas utilizadas por este movimento, em outros períodos, são, reflexivamente, transformadas a partir das situações e informações atuais. O presente estudo foi realizado em três momentos, a saber: a pesquisa de campo com entidades e integrantes do Movimento Estudantil; o levantamento de notícias no Jornal do Brasil referentes ao período de 1995 a 2000; e a pesquisa bibliográfica sobre o tema. As análises foram realizadas à luz da teoria de Anthony Giddens, sobre a modernidade, especificamente do conceito de ação reflexiva e tomando como instrumento para a compreensão das ações do Movimento Estudantil a Filosofia Heumenêutica de Gadamer. Os resultados indicam que os temas que mais mobilizam os estudantes são aqueles referentes ao ensino superior, ao mercado de trabalho e a questões internas do próprio Movimento Estudantil. Em relação às formas de atuação, os debates são a principal atividade, em geral associada a outras atividades conforme o tema em questão. Observamos ainda que as transformações nas formas de ação do Movimento Estudantil são orientadas pela constante reflexão acerca da pertinência dos temas priorizados e das maneiras mais adequadas de intervir nos problemas . A partir dessa reflexão, em diversos momentos, a memória do movimento é resgatada, oferecendo bases para a orientação das mudanças nas suas ações como forma de responder às necessidades contextuais da atualidade.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9854
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Sociologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo9393_1.pdf901,83 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.