Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7684
Title: O estado legal que não avalia questionamentos sobre subvenções sociais na educação infantil em escolas comunitárias do Recife
Authors: Ferreira Lacerda, Will
Keywords: Escolas Comunitárias;Avaliação;Sistema de Avaliações;Educação Infantil
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ferreira Lacerda, Will; Maria Brandão de Aguiar, Sylvana. O estado legal que não avalia questionamentos sobre subvenções sociais na educação infantil em escolas comunitárias do Recife. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Gestão e Pública p/ o Desenvolvimento do Nordeste, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Abstract: O trabalho aqui apresentado tem por objetivo contextualizar a necessidade de institucionalização de um sistema de avaliações estruturadas na educação infantil da Cidade do Recife ministrada por escolas comunitárias. Sistema esse, que trate a educação infantil em todos os seus aspectos, desde a estrutura física da escola, formação e capacitação dos docentes, desenvolvimento do aluno, nível nutricional do alimento oferecido na merenda até às ações complementares das escolas em relação aos pais e responsáveis. A análise acurada de elementos conceituais como o Estado Gerencial adotado no Brasil e seus efeitos alguns inclusive, ainda esperados; O Terceiro Setor origem e dependência financeira em relação ao Estado; Subvenções Sociais possibilidade legal e ausência de aferição da eficiência, eficácia e efetividade; aliados aos números da Realidade Recifense possibilitaram preocupantes conclusões do tipo: Sem avaliações estruturadas restanos a certeza de que estamos diante de uma situação onde todos são perdedores: A Sociedade Porque não sabe o que está a financiar; A escola comunitária Porque não exerce sua melhor missão; O professor Porque não tem seu trabalho reconhecido; e as Crianças Porque não obtêm a melhor formação . Assim, frente à necessidade das Avaliações estruturadas e às reflexões em torno da elaboração de um modelo, procurou-se examinar - As diversas motivações para o uso deste valioso instrumento de controle e planejamento; As importantes contribuições do MEC e o favorável contexto local para a sua instituição. Ao final das análises, conclui-se que a concepção/institucionalização do sistema de avaliações estruturadas para a educação infantil da capital possibilitará dentre outras coisas, a correção de políticas, afirmação de valores, promoção de accountability e principalmente conhecer para agir e agir para reverter os indesejáveis índices da educação pública da Cidade do Recife
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7684
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7790_1.pdf1.01 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.