Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4061
Title: Pesquisa de conteúdos na web: copiar e colar ou estratégias para construção do conhecimento?
Authors: PADILHA, Maria Auxiliadora Soares
Keywords: Pesquisa escolar; Pesquisa escolar na Web; Tecnologia educacional.
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Auxiliadora Soares Padilha, Maria; Smith Cavalcante, Patrícia. Pesquisa de conteúdos na web: copiar e colar ou estratégias para construção do conhecimento?. 2006. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Abstract: Discutir as possibilidades de uso das Tecnologias da Informação e Comunicação é crucial para que se proponham mudanças efetivas na prática docente, de forma que possamos superar algumas das várias dificuldades que comprometem a qualidade da Educação brasileira. Aliada a esse aspecto percebemos que a pesquisa de conteúdos nas escolas e universidades não vem contribuindo para uma aprendizagem significativa, ainda mais com a utilização da Web como fonte para pesquisa. Sendo assim, nosso objetivo, neste estudo, foi investigar quais as estratégias que os professores do Ensino Superior utilizam para orientar seus alunos a realizarem pesquisa de conteúdos. Além disso, visamos identificar as habilidades e ações necessárias para uma pesquisa de conteúdos que proporcione a construção de conhecimentos significativos pelo aluno, para apresentar uma proposta de pesquisa de conteúdos na Web. Tivemos como principais aportes teóricos a Teoria do Pensamento Sistêmico e o Paradigma da Complexidade, que fundamentam a nossa compreensão de mundo e, como embasamento pedagógico a concepção construtivista de ensino e aprendizagem. Para atender nossos objetivos realizamos dois estudos. O primeiro investigou as estratégias de orientação de pesquisa de professores do Ensino Superior, através de questionários abertos, considerados à luz da Análise de Conteúdos. Concluímos que os professores não possuem estratégias claras e organizadas para orientar seus alunos a realizarem a pesquisa de conteúdos. Com esses resultados realizamos nosso segundo estudo, onde sugerimos uma proposta de pesquisa de conteúdos em estrutura de rede que foi aplicada três vezes com turmas de licenciandos. Essas aplicações foram analisadas e depuradas à luz da Teoria da Flexibilidade Cognitiva, assim como a nossa compreensão do objeto de pesquisa. A proposta de pesquisa de conteúdos em estrutura de rede considera algumas habilidades e princípios para que se possa ter uma aprendizagem significativa, a partir de uma perspectiva de construção de conhecimentos. Concluímos que para que se possa realizar uma pesquisa de conteúdos na Web de forma a construir conhecimentos e não apenas reproduzir informações, é necessário que o professor oriente o aluno a mobilizar e considerar, conscientemente, algumas habilidades e princípios. Nossa proposta de pesquisa de conteúdos em estrutura de rede, entretanto, orienta que esses princípios e habilidades devem ser considerados e mobilizados de forma complexa e interelacionadas, se quisermos que essa proposta atenda a uma aprendizagem significativa. Esse estudo contribui para uma melhor compreensão do uso das Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação, em especial, a Internet e para a necessidade de reformulação dos cursos de formação de professores que considerem as especificidades da tecnologia para a aprendizagem. Indica também que, muito mais que uma mudança de cultura do copiar-colar, é necessário uma transformação na estrutura física e curricular da escola, de forma a proporcionar uma aprendizagem complexa e flexível, coadunando com um paradigma da complexidade que proporciona uma visão mais sistêmica e complexa da realidade
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4061
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo5398_1.pdf2.04 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.