Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3973
Title: O projeto filosofia na escola
Authors: Gislane Nóbrega Lima de Salles, Conceição
Keywords: Filosofia;Ensino;Educação;Pensar;Infância
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Gislane Nóbrega Lima de Salles, Conceição; Rörh, Ferndinand. O projeto filosofia na escola. 2008. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: A prática filosófica com crianças é objeto de um debate recente e significativo no cenário educacional brasileiro, notadamente no ensino de filosofia. Nesse contexto, percebe-se o surgimento de proposições teórico-metodológicas que propõem o encontro entre a filosofia, a infância e a educação. Este estudo analisa uma experiência de ensino de filosofia com crianças, desenvolvida pelo Projeto Filosofia na Escola, buscando compreender a noção de pensar, bem como os sentidos dessa experiência para os atores nela envolvidos. Mais precisamente, pretendemos compreender o modo como a filosofia é praticada nessa experiência a partir do que dizem os sujeitos implicados. Percorrendo um caminho diferente da tradição do ensino de filosofia, esse Projeto busca viver a filosofia como uma experiência do pensar, em que o conceito de pensar se opõe à filosofia das formas fixas e deve muito ao pensamento de Foucault e Deleuze, entre outros, adotando uma concepção baseada na idéia de inconclusão do pensamento filosófico. Para a realização desta pesquisa, apoiamo-nos em uma metodologia de enfoque hermenêutico, agrupando as falas dos atores engajados na experiência: coordenadores, crianças, professores e alunos-mediadores. Cada um deles exprime uma maneira diferente de experimentar o pensamento, e, em particular, as crianças evidenciam como a experimentação do pensar diferentemente imprime uma marca de certo especial ao seu processo de aprendizagem. Porém, por outro lado, todos os atores envolvidos manifestam suas angústias e dificuldades de trabalhar com a noção de pensar inacabado. Convencidos de que cada interpretação é singular e única, temos claro que a leitura que fizemos do Projeto é apenas uma das diversas possibilidades de fazê-la, constituindo-se como mais um elemento na discussão sobre o ensino de filosofia no Brasil hoje
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3973
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3488_1.pdf1.79 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.