Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3912
Título: A Materialização da integração entre a Qualificação Profissional e a Formação geral no âmbito do PROJOVEM em Recife-PE
Autor(es): OLIVEIRA, Maria Angela Alves de
Palavras-chave: Formação Integrada; Educação Profissional; Política de Inclusão; ProJovem
Data do documento: 31-Jan-2009
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Angela Alves de Oliveira, Maria; de Oliveira, Ramon. A Materialização da integração entre a Qualificação Profissional e a Formação geral no âmbito do PROJOVEM em Recife-PE. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Resumo: Esta pesquisa analisou a proposta metodológica de integração entre a formação geral e a formação profissional de jovens no âmbito do Programa Nacional de Inclusão de Jovens: ProJovem, tendo a rede municipal de ensino da cidade do Recife como espaço empírico de investigação. O levantamento de dados foi feito a partir de três instrumentos de pesquisa: análise documental, realizada em documentos do programa produzidos tanto em nível do governo federal como pela Secretaria Municipal de Educação; aplicação de questionários a educadores do Programa; e entrevista semi-estruturada com gestores, formadores e educadores. Os resultados evidenciaram que a integração entre a formação geral e a formação profissional, ainda que seja objetivada nos documentos norteadores do Programa, não se concretizou como um princípio pedagógico e político na prática cotidiana dos educadores, por conseguinte, no interior do ProJovem. As práticas pedagógicas, desenvolvidas no chão da escola, estão respaldadas em concepções que revelam uma nítida separação entre a formação geral e a formação para o mundo do trabalho. Esta separação tem uma maior expressão na prioridade dada pelos alunos às aulas dos arcos ocupacionais, na dicotomia entre os conhecimentos gerais e específicos e nas diversas dificuldades que se constituem impedimentos para o estabelecimento de práxis pedagógica baseada em relações de cooperação e em produções coletivas de conhecimentos. Dessa maneira, pode-se afirmar que os achados da pesquisa tendem a confirmar análises desenvolvidas por outras investigações que apontam para o aprofundamento da precarização econômica e cultural dos trabalhadores e num permanente movimento contraditório de humanização/alienação nas ações de qualificação profissional
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3912
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo193_1.pdf1,34 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.