Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3778
Title: A formação continuada na rede municipal de ensino do Recife: concepções práticas de uma política em construção
Authors: SANTOS, Edlamar Oliveira dos
Keywords: Formação de professores;Formação Continuada;Prática Pedagógica
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Oliveira dos Santos, Edlamar; Batista Neto, José. A formação continuada na rede municipal de ensino do Recife: concepções práticas de uma política em construção. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: A pesquisa A Formação Continuada na Rede Municipal de Ensino do Recife: concepções e práticas de uma política em construção teve como objetivo analisar as concepções de formação continuada que orientaram a política de formação docente da Secretaria de Educação, Esportes e Lazer (SEEL) e a organização e produção das práticas formativas, configuradas a partir de tais concepções. Tomamos como foco as ações e programas promovidos para os professores dos ciclos iniciais do Ensino Fundamental, no período de 2001 a 2008. A investigação adotou uma perspectiva qualitativa e uma abordagem do tipo etnográfica. Para construção dos dados, utilizamos como procedimentos a observação, a entrevista semiestruturada e a análise documental. A organização e a análise dos dados deram-se a partir da técnica de análise de conteúdo de (BARDIN, 1977), que nos permitiu codificar, categorizar e tematizar as unidades de registros, as quais deram origem às categorias empíricas. O marco teórico que orientou as análises foi construído considerandose três categorias analíticas centrais: políticas de formação de professores , formação continuada e prática pedagógica . Com base no estudo dessas categorias, discutimos questões relativas aos principais modelos teóricos que têm orientado a formação do professor e, em particular, a formação continuada. Assim, centralizamos a análise nos modelos teóricos que indicam a prática pedagógica como espaço de produção do saber e eixo orientador da formação. No que diz respeito às políticas de formação do professor, buscamos analisar o tratamento dado à formação continuada no âmbito das políticas educacionais, aspecto que favoreceu a uma compreensão acerca das finalidades, concepções e objetivos que estão na base das políticas e as práticas formativas. A pesquisa evidenciou que a formação continuada foi considerada pela SEEL como um elemento de fundamental importância para a melhoria do ensino e da aprendizagem do aluno. Nessa direção, a secretaria ensejou uma concepção de formação continuada orientada pela reflexão sobre a prática pedagógica. Vale ressaltar que, ao longo da gestão estudada, a SEEL apresentou formas diferenciadas de conduzir o processo de reflexão sobre a prática pedagógica. Houve momentos em que essa reflexão abordou não somente a sala de aula e o ensino, mas questões mais amplas relativas ao papel da escola. Nos últimos anos é que se ratificou uma concepção de reflexão sobre a prática pedagógica mais centrada no ensino, inclusive com a implantação de programas de formação continuada no cotidiano escolar. Sobre as práticas formativas, o estudo evidenciou que a SEEL cunhou diferentes formas de se fazer a formação continuada. Algumas dessas práticas perpassaram todo o período da gestão estudada, porém sofreram algumas modificações para atender às novas demandas da formação, da rede e do ensino. O estudo revelou que foram criadas formas diferenciadas de intervenção na formação continuada, sempre que se pretendeu fazer os processos formativos incidirem mais diretamente sobre a prática docente. Aqui ressaltamos a experiência da formação continuada vivenciada no cotidiano escolar por meio do Programa Pró-letramento e os cursos de atualização curricular e didático-pedagógica , vivenciados nos espaços coletivos de rede. O olhar sobre a organização e a produção dessas práticas formativas indicou uma aproximação com uma perspectiva de formação orientada pela reflexão do fazer docente preconizando, assim, as questões imediatas do ensino. As condições de produção de tais práticas indicaram a necessidade de ações mais incisivas por parte da SEEL para que fossem garantidas melhores condições de formação e de trabalho aos professores, sobretudo no cotidiano escolar. Em que pese os limites observados nas práticas formativas analisadas, os professores participantes desta investigação consideraram-nas um importante instrumento para o seu desenvolvimento profissional
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3778
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo238_1.pdf8.65 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.