Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3742
Título: Analisando as estratégias utilizadas pelos alunos da rede municipal do Recife na resolução de questões do Saepe sobre números racionais
Autor(es): SANTOS, Rosivaldo Severino dos
Palavras-chave: Avaliação Educacional; Números Racionais; Estratégias.
Data do documento: 21-Fev-2011
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Severino dos Santos, Rosivaldo; Câmara dos Santos, Marcelo. Analisando as estratégias utilizadas pelos alunos da rede municipal do Recife na resolução de questões do Saepe sobre números racionais. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática e Tecnológica, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Resumo: A presente pesquisa trata da análise das estratégias utilizadas por alunos da Rede Municipal do Recife ao responderem questões de avaliações externas sobre números racionais, particularizando o SAEPE/Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco. Tomamos como objeto de estudo os Números Racionais, em virtude de que nas últimas avaliações do SAEPE, os itens referentes aos descritores relacionados a este componente curricular têm apresentado um baixo rendimento por parte dos alunos. Para alcançarmos o nosso objetivo, utilizamos como aporte teórico a Teoria dos Campos Conceituais de Vergnaud, pesquisas de alguns educadores matemáticos, que realizaram estudos à luz dessa Teoria, a Teoria dos Registros de Representação Semiótica, de Raymond Duval e a classificação teórica proposta por Nunes et al. (2003) para os diferentes sentidos da fração, contemplando cinco significados: parte-todo, medida, número, quociente e operador multiplicativo. A partir dos descritores do SAEPE referentes aos números racionais, elaboramos um instrumento com oito itens similares aos itens do SAEPE e aplicamos em 08 turmas do 9º ano do Ensino Fundamental de três escolas públicas da Rede Municipal do Recife, perfazendo um total de 276 alunos. Posteriormente realizamos 26 entrevistas com o objetivo de identificar as estrtégias utilizadas pelos alunos ao responderem os itens do instrumento de pesquisa. Na análise dos dados, realizamos um estudo comparativo dos resultados de nossa pesquisa com os resultados do SAEPE e analisamos as estratégias utilizadas pelos alunos aos responderem os itens do instrumento, com base nas entrevistas realizadas. Com relação aos resultados, observamos que no estudo comparativo, em sua maioria absoluta, os resultados de nossa pesquisa estão em consonância com os resultados do SAEPE. Já nas análises das estratégias utilizadas pelos alunos, observamos que os mesmos se utilizam de diferentes estratégias para responder o item que lhe é proposto. Concluimos que o ensino dos números fracionários deve ser realizado com situações-problemas em várias situações e em diferentes contextos e as estratégias utilizadas pelos alunos devem ser discutidas de forma coletiva, de modo que possam contribuir para o uso de estratégias eficientes
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3742
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação Matemática e Tecnológicas

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo2882_1.pdf1,2 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.