Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/23874
Título: Estabilidade de licopeno e b-caroteno em extrato de tomate submetido a luz e calor
Autor(es): SILVA, Gabriela Maria da
Palavras-chave: Carotenóides; beta Caroteno
Data do documento: 28-Fev-2018
Citação: SILVA, G. M.
Resumo: Os carotenóides são um grupo de pigmentos mais difundidos na natureza. Conferem a coloração do amarelo ao vermelho, encontrando-se na fração insaponificável dos lipídios animais e vegetais, sendo responsáveis pela cor das frutas, flores, lagosta e outros crustáceos, alguns peixes e pássaros. Dentre os mais importantes carotenóides, estão o licopeno e betacaroteno, que desempenham um papel importante, tanto na fotossíntese quanto na saúde humana. Possuem como características de maior destaque o grupo cromóforo responsável pela cor que proporcionam aos alimentos. Entretanto o efeito durante o processamento e armazenamento altera a atividade biológica e a cor dos pigmentos. Assim esse trabalho tem por objetivo analisar a estabilidade dos pigmentos carotenóides em extrato de tomate concentrado submetidos a ação de luz e calor. Utilizando a técnica de cromatografia de camada delgada (CCD) e espectrofotometria UV-Visível. A identificação e separação dos pigmentos carotenóides por processo adsortivo, foi obtido através da técnica cromatográfia em camada delgada (CCD), sobre uma camada de adsorvente, sílica-gel, por meio da separação das soluções e da distância percorrida pelos pigmentos. A realização das leituras associada a concentração e estabilidade dos pigmentos foram realizadas em espectrofotômetro. Para essa técnica foi usado como referência a melhor faixa de absorção em virtude da análise de absorbância na curva de varredura das soluções de licopeno e betacaroteno. De acordo com os resultados encontrados, conclui-se que nas codições a que foi submetido o extrato de tomate ocorre alterações na concentração e, a partir disso é fundamental precaver a estabilidade dos pigmentos em virtude das condições aviltantes no estudo da degradação. Evitando perdas das substâncias nutricionais.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/23874
Aparece na(s) coleção(ções):TCC - Nutrição

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SILVA, GABRIELA MARIA DA.pdf1,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons