Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18423
Título: Correlação entre os métodos avaliativos Sensory Processing Measure (SPM) e Pediatric Speech Intelligibility (PSI) em escolares
Autor(es): BERENGUER, Jersyca Jamyll da Costa
Palavras-chave: Percepção da fala. Ruído. Discriminação da fala. Sensorial.; Speech perception. Noise. Speech discrimination. Sensory.
Data do documento: 30-Ago-2016
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Introdução: Na Fonoaudiologia, um dos testes utilizados para a avaliação do processamento auditivo em crianças é o Pediatric Speech Intelligibility (PSI). Já na Terapia Ocupacional, utiliza-se questionários, como o Sensory Processing Measure (SPM), para identificar alterações de processamento sensorial, dentre eles o auditivo. Uma possível correlação entre esses testes pode facilitar a identificação precoce de crianças com tais alterações. Objetivo: correlacionar o desempenho de crianças no PSI e as respostas obtidas no SPM aplicado aos pais e professores dessas crianças. Método: A pesquisa foi composta por 16 participantes com idades entre 5 e 9 anos, de ambos os sexos, estudantes de escolas públicas em Pernambuco. Inicialmente os pais e professores das crianças responderam 8 questões do SPM, e posteriormente, as crianças foram submetidas ao teste PSI na condição contra e ipsilateral. Resultados: A análise estatística mostra que o percentual de erros do teste PSI ipsilateral foi significantemente maior que o percentual de erros do PSI contralateral. Não foi observado o efeito da idade nos resultados do teste PSI e no questionário SPM. Embora não significativa (p>0,05), houve divergência entre respostas dos dois questionário (SPMS – aplicado aos pais e SPMH – aplicado aos professores). Não houve correlação entre o teste PSI e o questionário SPM respondido por professores. Conclusão: De acordo com este estudo não se pode sugerir o questionário SPM para identificação de crianças com dificuldade de processamento auditivo.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18423
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Saúde da Comunicação Humana

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE MESTRADO JERSYCA 25-10-2016.pdf2,85 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons