Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18180
Title: Consumo glicídico e proteico na refeição pós-treino de praticantes de exercícios físicos atendidos no projeto de extensão “nutrição em movimento”
Authors: LIMA, Jasiedy da Silva
Keywords: Nutrição esportiva;Carboidratos
Issue Date: 26-Jul-2016
Citation: LIMA, J. S.
Abstract: A prática de exercícios físicos aumenta a demanda energética/nutricional do organismo, nesse sentido, a alimentação adequada, é fundamental para maximizar o desempenho, permitir a recuperação plena e a manutenção da saúde. Entre os nutrientes da dieta o carboidrato é uma importante fonte de energia, o consumo apropriado deste nutriente é fundamental na manutenção dos níveis de glicose sanguínea, sendo de grande importância o consumo antes, durante e após o exercício, para que haja uma adequada reposição das reservas de glicogênio. Já as proteínas desempenham importante papel nos processos anabólicos fornecendo os aminoácidos necessários para a construção e manutenção dos tecidos, sendo de extrema importância na formação de massa muscular. Portanto, este estudo teve como objetivo, avaliar o consumo de carboidratos e proteínas na refeição pós-treino de praticantes de exercícios físicos atendidos no projeto de extensão “Nutrição em Movimento”. Trata-se de um estudo com delineamento do tipo transversal e descritivo que incluiu todos os indivíduos praticantes de exercícios físicos atendidos pelo projeto de extensão no período de novembro de 2014 a junho de 2016. Foi realizada entrevista, por meio de questionário utilizando o software AVANUTRI 4.0, que reuniu informações sociodemográficas e da prática de exercício físico. A composição nutricional da refeição pós-treino foi conhecida utilizando-se o recordatório de 24 horas e realizou-se a avaliação antropométrica. As variáveis quantitativas relacionadas a refeição pós-treino estudadas foram o valor calórico total da refeição e o consumo de macronutrientes. Foram avaliados 24 indivíduos, sendo 13 mulheres (54,2%) e 11 homens (45,8%), com média de idade de 25,7±7,4 anos. Os resultados demonstraram que o tipo de exercício mais praticado era a musculação, com uma frequência > 3 vezes na semana, sendo o horário de preferência a tarde. Os indivíduos referiram se exercitar por um tempo > 60 minutos. Quanto ao tipo de refeição, foi observado que a maior parte das refeições pós-treino foi representada pelo jantar (45,8%, n=11). Em relação à adequação do consumo de carboidratos e proteínas a maior parte dos indivíduos avaliados (54,1% / n=13) apresentaram um consumo insuficiente. Diante do exposto, conclui-se que o grupo avaliado consome refeições pós-treino nutricionalmente desequilibrada/inadequadas.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18180
Appears in Collections:TCC - Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LIMA, Jasiedy da Silva.pdf1.48 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons