Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17767
Title: Oxelytrum discicolle (coleoptera: silphidae) em mata de galeria no cerrado: padrão de atividade diária e atratividade por carcaças em diferentes estágios de decomposição
Authors: LIRA JÚNIOR, Luiz Antonio
Keywords: Atratividade Alimentar;Comportamento;Entomologia Forense;Behavior;Food Attractiveness;Forensic Entomology
Issue Date: 1-Apr-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: A Entomologia Forense refere-se ao estudo dos insetos associados a situações criminais podendo ser utilizada como ferramenta auxiliar na investigação de crimes envolvendo morte violenta. A ordem Coleoptera (besouros) corresponde a segunda maior ordem de interesse forense. Dentre as espécies de importância forense, destaca-se Oxelytrum discicolle (Coleoptera: Silphidae), por estar associada frequentemente a carcaças e cadáveres humanos. Este trabalho teve como objetivos: i) compilar dados sobre a distribuição geográfica de O. discicolle na América do Sul com intuito de contribuir e atualizar a revisão feita para o gênero há 30 anos, abordando aspectos conservacionistas e climáticos que influenciam a distribuição da espécie; ii) investigar a atratividade alimentar de O. discicolle por carcaças de Sus scrofa em diferentes estágios de decomposição oferecidas simultaneamente em um fragmento de mata de galeria no Cerrado, discutindo características bionômicas, reprodutivas e ecológicas; iii) observar o padrão temporal diário de atividade (diurno vs. noturno) da espécie no Cerrado. Oxelytrum discicolle está atualmente distribuída em cinco países e o Brasil detém o maior número de referências na literatura, estando a espécie associada a ambientes florestais e de elevada altitude. Apesar desta ter sido a primeira vez que a espécies foi registrada em Brasília (Distrito Federal), O. discicolle foi a mais abundante, mostrando-se significativamente mais atraída por carcaças em estágios mais avançados de decomposição em ambas as estações. Uma correlação positiva foi encontrada entre a abundância dos indivíduos e a estação chuvosa. A espécie apresentou um padrão de atividade prioritariamente noturno. O número de machos e fêmeas coletados não diferiram significativamente durante todo o experimento. Dessa forma, a espécie é um potencial indicador para estudos forenses, corroborando estudos anteriores que sugerem o papel fundamental dos besouros em casos onde os cadáveres são encontrados em estágios mais avançados.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17767
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Biologia Animal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Luiz A. Lira Júnior.pdf1.69 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons