Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16273
Title: A compreensão do professor sobre os erros dos alunos, em itens envolvendo expectativas de aprendizagem dos números racionais, nos anos iniciais do ensino fundamental
Authors: SANTOS, John Kennedy
Keywords: Números Racionais; Avaliação da aprendizagem; Professores; Expectativas de Aprendizagem; Erros
Issue Date: 27-Feb-2015
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: A presente pesquisa teve como objetivo investigar de que maneira os professores interpretam os erros dos alunos em relação aos números racionais, nos anos iniciais do ensino fundamental. Escolhemos analisar a compreensão do erro por entendermos a sua fundamental importância no processo de ensino e aprendizagem; já a escolha dos números racionais justifica-se apelos baixos índices de aproveitamento verificados por meio de avaliações externas – SAEPE e Prova Brasil – nos descritores do conteúdo em discussão. Para balizar nossas análises, buscamos aporte teórico nos estudos sobre erros na aprendizagem escolar de Borasi (1996), Pinto (2000), Cury (2007), Torre (2007) e Peng e Luo (2009); na compreensão da avaliação da aprendizagem em Perrenoud (1999), Hadji (2001) Luckesi (2006), e em trabalhos referentes aos números racionais de Nunes (1997), Campos et al. (2009), dentre outros. Utilizamos também alguns elementos da teoria dos registros de representação semiótica de Duval (2009). Para identificar os erros mais comuns dos estudantes, construímos um questionário, com itens abertos, contemplando todas as expectativas de aprendizagem dos números racionais para o 5º ano e aplicamos a 324 alunos dessa etapa de escolarização, da rede municipal de Jaboatão dos Guararapes. Em seguida elaboramos o instrumento para o professor, com cinco itens, obedecendo a dois critérios, à diversificação dos registros de representação semiótica de Duval (2009) e à relevância dos erros, tanto no aspecto quantitativo como no qualitativo. Aplicamos o instrumento a 209 sujeitos do município de Jaboatão dos Guararapes. Após a conclusão do preenchimento do questionário, fizemos uma discussão coletiva sobre os erros descritos no instrumento. Analisamos a partir da taxionomia de Borasi (1996) e da tabela de dupla entrada de Peng e Luo (2009), na perspectiva de identificar e interpretar os erros para a remediação. Nossos resultados apontam que cerca de um em cada dez sujeitos não identificam respostas inadequadas e, na interpretação dos erros, apenas cerca de trinta por cento dos sujeitos demonstram essa habilidade. Concluímos, assim, que os professores não lidam bem com o conhecimento do conteúdo matemático e apresentam grandes dificuldades na compreensão do conhecimento pedagógico do conteúdo.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16273
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Educação Matemática e Tecnológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S237c Santos, John Kennedy Jerônimo. 372.7 CDD (22.ed.) UFPE (CE 2015 - 033).pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons