Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12572
Title: Diz-me o que escreve que te direi quem és: percursos adotados pelos professores autores/conteudistas ao produzirem materiais didáticos para o Programa E-tec Brasil/
Authors: GOMES, Eber Gustavo da Silva
Keywords: Educação a distância;Material didático;Interações em EaD
Issue Date: 31-Jan-2014
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: Este trabalho discute os percursos adotados pelos professores autores/conteudistas ao produzirem seus respectivos materiais didáticos do Programa E-Tec Brasil que oferta cursos técnicos na modalidade a distância, desde a concepção do desenho didático do curso, as diretrizes da Instituição a orientar seus professores para as produções, até os resultados desses materiais elaborados pelos professores sob as orientações dos coordenadores dos cursos. Partimos da hipótese que os professores ainda tenham construções de materiais didáticos para EaD perante uma concepção Fordista/Tradicional, o que aponta um não aproveitamento na base de uma construção construtivista. Como aporte teórico, apresentamos discussões sobre a Sociedade da Informação e em Rede, Castells (2009). Discutimos também sobre as transformações da educação atendendo a sociedade em transformação, sobretudo, a partir da modalidade de educação a distância. Em tempo, seu percurso histórico, as suas transformações a partir das novas tecnologias digitais, baseados em Moore e Kearsley (2011), Maia e Mattar (2007), e na perspectiva da Educação Online com Santos (2010) e Silva (2012). Discutimos também, o desenho didático Instrucional/Educacional de cursos com Filatro (2009) e Mattar (2012) e os papéis dos que estão envolvidos para uma prática de produção de materiais didáticos, promovendo interações e interatividade sobre o olhar de Primo (2008) e Silva (2012). Também discutimos propostas de materiais didáticos para EaD que favorecem o sociointeracionismo respaldados em Vilardi (2005), Palange (2009) e Fernandez (2009). Com base nesses marcos teóricos, a pesquisa propõe revelar desde as concepções no Programa ETec como política pública ao apontar os autores envolvidos para a efetivação dessas construções, assim como, analisar as orientações estabelecidas pela Instituição que oferta estes cursos para a efetivação dessas produções. Respondendo a esses questionamentos, adotamos a entrevista com os sujeitos que eram responsáveis diretamente na produção desses materiais, como coordenadora de curso e designer instrucional/educacional, assim como os professores autores/conteudistas diretamente envolvidos com as produções desses materiais. Foram analisados os percursos e as interações adotadas pelo professor autor/conteudista ao produzir seu material. A análise documental foi utilizada como instrumento de coleta para analisar a veracidade dos documentos oficiais Institucionais e os documentos produzidos pelos professores (materiais didáticos). O método de análise foi a análise de conteúdo, baseado em Moraes (1997) e Bardin (2011). Os resultados da pesquisa apontam o quanto o desenho didático do curso “engessa” o processo de produção dos materiais didáticos, visto que são lineares e instrucionistas, assim como, as interações dos alunos com as demais produções (vídeos aulas, atividades) estão orientados com interações apenas com conteúdos, conduzindo os educandos a fixação dos conteúdos como estratégia de aprendizagem.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12572
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Educação Contemporânea / CAA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO Eber Gustavo da Silva Gomes.pdf1.51 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons