Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9717
Title: Avaliação da eficácia do avental equivalente a 0,5 mm de chumbo em tomografia por emissão de Pósitrons através de simulações Monte Carlo
Authors: FONSÊCA, Rodrigo Bezerra
Keywords: Medicina Nuclear; PET; Radioproteção; EPI; Avental Pumblífero Monte Carlo; MCNP
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Bezerra Fonsêca, Rodrigo; de Jesus Amaral, Ademir. Avaliação da eficácia do avental equivalente a 0,5 mm de chumbo em tomografia por emissão de Pósitrons através de simulações Monte Carlo. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Energéticas e Nucleares, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: Em Tomografia por Emissão de Pósitrons (PET), os profissionais de saúde estão expostos a fótons de 511 keV, resultante do processo de aniquilação pósitron-elétron. Este valor é cerca de quatro vezes superior à energia média dos fótons com 140 keV, normalmente emitida em ambiente envolvendo Tomografia por Emissão de Fóton Único (SPECT). Apesar disso, aventais equivalentes a 0,5 mm de chumbo que já vem sendo utilizados em tarefas envolvendo a SPECT são empregados, também, na PET, independentemente da energia dos fótons emitidos. Neste contexto, este trabalho teve como objetivo avaliar a eficácia dos aventais equivalentes a 0,5 mm de chumbo na radioproteção individual de profissionais envolvidos em procedimentos para exames por PET. Para tanto, a energia média depositada por partícula foi calculada utilizando o método Monte Carlo, com auxílio do código MCNP4C, nas regiões correspondentes às grandezas operacionais Hp(10) e Hp(0,07), em duas situações de exposição individual: com e sem o uso do avental. Os resultados obtidos indicam que na região Hp(10) a dose absorvida com avental é estatisticamente igual a sem o uso do avental. Em relação à região Hp(0,07), o uso do avental acarreta um aumento de até 26% para a dose absorvida. Com base neste trabalho, aventais equivalentes a 0,5 mm de chumbo não oferecem proteção adequada aos profissionais de saúde envolvidos em procedimentos com Tomografia por Emissão de Pósitrons
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9717
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Tecnologias Energéticas e Nucleares

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo8634_1.pdf1.74 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.