Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9670
Title: Perfil de crianças e adolescentes internados por asma em duas unidades de saúde da Cidade do Recife
Authors: Reis e Silva de Queiroz, Gladys
Keywords: Internamento; Crianças e Adolescentes; Asma
Issue Date: 2002
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Reis e Silva de Queiroz, Gladys; Laura Campelo de Melo Dias, Maria. Perfil de crianças e adolescentes internados por asma em duas unidades de saúde da Cidade do Recife. 2002. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2002.
Abstract: Foi realizado estudo descritivo transversal, e de série de casos em duas Unidades de Saúde do Recife, Brasil, com o objetivo de determinar o perfil de crianças e adolescentes de 3 a menos de 16 anos de idade, internados por asma, num período de 4 meses. Do total de 2.303 internamentos, a prevalência de 42,4% foi devido à dispnéia com sibilância, que no prontuário inicialmente, foi colocada com a hipótese diagnóstica de asma, sendo que destes, 169 apresentaram dois ou mais episódios de sibilância e preencheram os critérios de inclusão para o estudo. Entre as características destes pacientes, verificou-se que quanto ao manejo da crise: 51,2% (86/168) haviam iniciado crise há mais de 24 horas antes do internamento, quanto à escala de gravidade em 52,2% (70/134) a exacerbação aguda foi considerada grave ou muito grave, 62,3% (101/162) dos pacientes iniciaram o tratamento em casa nas primeiras 6 horas; e que a primeira crise, na grande maioria dos casos (90.5%), ocorreu antes de 3 anos de idade; e que o encaminhamento para ambulatórios especializados destes pacientes foi de 53.3% (89/167) e a utilização prévia de drogas antiinflamatórias de13,0% (22/169). Os pacientes cujas mães eram alfabetizadas freqüentavam menos os serviços de urgência. As mães alfabetizadas e também aquelas famílias com renda mensal superior a R$ 180,00, iniciaram mais cedo o tratamento da crise de asma na residência. Fato ainda a ressaltar, é que pacientes que iniciaram os episódios de asma antes dos 2 anos de idade apresentaram uma maior escala de gravidade de crise quando internado
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9670
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Saúde da Criança e do Adolescente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo8687_1.pdf680.68 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.