Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9608
Title: Cooperativa e desenvolvimento territorial : o caso da Cooperativa Pindorama Alagoas
Authors: Maria Dias de Lima, Conceição
Keywords: Cooperativa;Globalização da agricultura;Desenvolvimento territorial;Pindorama;Alagoas
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Maria Dias de Lima, Conceição; Salete Barbosa Cavalcanti, Josefa. Cooperativa e desenvolvimento territorial : o caso da Cooperativa Pindorama Alagoas. 2011. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: Esta tese tem como objetivo compreender as relações que se estabelecem entre cooperativa e o desenvolvimento territorial. As dinâmicas instituídas pela Cooperativa Pindorama, do Estado de Alagoas, para enfrentar os desafios dos mercados, os seus desdobramentos na produção e gestão dos bens comuns, assim como, as implicações na construção do território, constituem o objeto de estudo. Buscamos, especificamente, caracterizar a Cooperativa, a partir do contexto histórico de sua formação; delinear o modelo de gestão; identificar os desafios e estratégias desenvolvidas para responder às exigências dos mercados; investigar os desdobramentos dessas ações na sua configuração territorial. Como referencial teórico, partimos dos estudos que associam a formação de redes de cooperação como possibilidade de inserção no modelo produtivo e para o revigoramento de territórios, segundo Pires e Cavalcanti (2009); Pires (1999, 2003, 2004); Martinez e Pires (2002); Duarte (1995, 1997, 2006). Acerca da globalização da agricultura, nos baseamos nos estudos de Cavalcanti e Neiman (2005); Bendini, Cavalcanti e Lara (2006); Bonanno (2009); Buttel (2005); Marsden (1999); Cavalcanti (1999, 2003, 2004) e Wilkinson (1999, 2002). Dialogamos com as contribuições de Wilkinson (2008) sobre o mercado de valores para os produtos, de Sabourin (2009, 2010), Carneiro (2002, 2003, 2006) e Abramovay (1997, 2003, 2005), a multifuncionalidade da agricultura e dos territórios rurais e de Wanderley (1996, 1999, 2000, 2004, 2009) acerca das novas dimensões e delimitações dos espaços rurais. É, portanto, no campo destas discussões que se situaram as análises. Na metodologia da pesquisa, optamos por uma abordagem qualitativa. Para tanto, utilizamos o estudo de caso. Foram coletados dados primários e secundários, utilizando-se dos seguintes instrumentos disponíveis: entrevista com roteiro semiestruturado, observação de campo, diário de campo e análise documental. Foram utilizados, também, alguns recursos técnicos e materiais de apoio, como a máquina fotográfica e o gravador. A amostra foi composta pelos agentes diversos da Cooperativa cooperados, técnicos e dirigentes. O estudo evidenciou que as dinâmicas instituídas pela Cooperativa privilegiam o atendimento às exigências de competitividade de mercado - capitalização, métodos organizacionais e gerenciais, novos mercados e parceiros, inovações tecnológicas e qualificação da mão de obra - e estimulam, numa linha contemporânea de ação, o desenvolvimento territorial
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9608
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Sociologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7647_1.pdf3.87 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.