Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9492
Title: Projeto Profissional do Serviço Social: as expressões da dimensão ético-política no exercício profissional dos gestores da Secretaria Municipal de Assistência Social de Fortaleza
Authors: PEIXOTO, Valdenízia Bento
Keywords: Exercício Profissional; Ética; Projeto Profissional
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Bento Peixoto, Valdenízia; Falcão de Oliveira, Edelweiss. Projeto Profissional do Serviço Social: as expressões da dimensão ético-política no exercício profissional dos gestores da Secretaria Municipal de Assistência Social de Fortaleza. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: Esse trabalho trata da dimensão ético-política do projeto profissional do Serviço Social nas suas expressões do exercício profissional de assistentes sociais, que exercem a função de gestores da política de assistência social, na Secretaria Municipal de Assistência Social SEMAS, em Fortaleza. O Serviço Social, durante os anos 1980 promoveu uma renovação em suas bases teóricas e metodológicas, buscando a aproximação com a teoria crítica social. Somente na década posterior, é que a profissão vai amadurecer a sua compreensão política e filosófica em torno da ética. Analisar o projeto profissional perpassa necessariamente pelo estudo da ética, da política, da economia e das várias tendências teóricas incorporadas à profissão ao longo do desenvolvimento histórico. A escolha pelo campo empírico na SEMAS deve-se ao fato dessa Secretaria ser um órgão político que compõe a administração do governo petista de Luizianne Lins, que apresentou em sua campanha uma proposta democrátio-popular sob o signo de ética na política. O encaminhamento metodológico para tal reflexão se realizou através de uma análise bibliográfica sobre ética e conjuntura política brasileira, além de analisar os documentos institucionais da SEMAS, para em seguida confrontar o discurso dos gestores, com os princípios éticos que orientam a profissão. Avaliar a hegemonia do projeto profissional na SEMAS (ou em âmbito geral) não foi nossa pretensão, porém nos aproximamos um pouco desse debate e percebemos que frente à sociedade capitalista, onde impera o projeto da classe burguesa, torna-se bem mais desafiador a atuação da (o) assistente social. Identificamos que mesmo numa sociedade na qual impera as desigualdades entre as classes, e o valor ético é subsumido ao individualismo e à concorrência, ainda assim, para os gestores, é possível a execução do projeto profissional. Portanto, uma prática profissional no serviço social, que leve em conta a potencialidade política, jurídica e ética, prevista no Código de Ética, se constitui num importante elemento para ampliação do horizonte da emancipação social e política da sociedade
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9492
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3757_1.pdf5.08 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.