Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/936
Title: Condições capacitadoras à criação do conhecimento organizacional: O caso do movimento pró-criança
Authors: de Melo Días, Cecília
Keywords: tecnologia social;Organização sem fins lucrativos;Condições capacitadoras;Criação do conhecimento
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: de Melo Días, Cecília; Rodrigues Oliveira, Rezilda. Condições capacitadoras à criação do conhecimento organizacional: O caso do movimento pró-criança. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: Este estudo teve como objetivo verificar a existência de condições capacitadoras à criação do conhecimento organizacional no Movimento Pró-Criança, organização sem fins lucrativos que procura promover crianças e adolescentes em situação de rua e em situação de risco. Em função da temática abordada, o referencial teórico gira em torno de temáticas tais como: terceiro setor, tecnologia social e gestão do conhecimento. O método de pesquisa adotado foi o qualitativo, sendo a estratégia utilizada para o alcance dos objetivos da pesquisa a do estudo de caso. Os dados foram coletados por meio de pesquisa documental e bibliográfica e entrevistas semi-estruturadas e individuais. A análise teve como foco a verificação da existência de um contexto apropriado à criação do conhecimento organizacional, focalizando principalmente as condições capacitadoras à criação do conhecimento sugeridas por Nonaka e Takeuchi (1997): intenção, autonomia, flutuação e caos criativo, redundância e variedade de requisitos. Verificou-se a intenção da instituição em promover um ambiente mais participativo e também uma maior abertura ao meio onde está inserida. Isto foi percebido nas mudanças ocorridas na instituição, principalmente no que se refere à captação de recursos e ao perfil dos cursos oferecidos aos alunos, cada vez mais enfatizando um caráter mais empreendedor. Mesmo assim, apesar de existir um propósito em promover uma gestão mais compartilhada, foi notada a existência de centralização e proposição de objetivos, ainda concentrada na direção da instituição. Em contrapartida, foi possível identificar que no âmbito das unidades da instituição há um contexto favorável à criação e ao compartilhamento de conhecimento, sobretudo no que se refere à intenção organizacional, a autonomia e também ao comprometimento dos membros da instituição
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/936
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1233_1.pdf590.13 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.