Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9325
Title: Crescimento pré e pós-natal: fatores determinantes das medidas corporais de crianças em idade escolar
Authors: Cristina Lima da Silva Pastich Gonçalves, Fabiana
Keywords: Crescimento; Baixo peso ao nascer; Ganho de crescimento; Composição corporal; Índice de massa corporal; Restrição do crescimento intraútero.
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Cristina Lima da Silva Pastich Gonçalves, Fabiana; de Carvalho Lima, Marilia. Crescimento pré e pós-natal: fatores determinantes das medidas corporais de crianças em idade escolar. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: A mudança do perfil nutricional da população infantil e a associação da obesidade com as doenças crônicas não transmissíveis incitam a investigação de fatores que estão precocemente envolvidos com a rápida transição nutricional desta população. Nas últimas décadas, a investigação acerca da influência pré e pós-natal nestes agravos, impulsionou novas pesquisas que diversificaram a forma de avaliar o crescimento da criança. O peso ao nascer e a avaliação do ritmo de crescimento pós-natal surgem como importantes fatores determinantes do estado nutricional em pré-escolares, escolares, adolescentes e adultos. Acredita-se que o peso ao nascimento e a aceleração compensatória do crescimento pós-natal, determine o tamanho corporal na infância de forma independente. Portanto, o presente estudo teve por objetivo verificar a influência do peso ao nascer e do crescimento compensatório pós-natal no tamanho e composição corporais na idade escolar. A amostra consistiu de 167 crianças de uma coorte, iniciada em 1993 na Zona da Mata Meridional de Pernambuco. Estas crianças foram selecionadas ao nascimento, todas nascidas a termo, sendo 67 com baixo peso e 100 com peso adequado, acompanhadas no primeiro ano de vida e reavaliadas aos oito anos de idade. Verifica-se na análise de regressão linear multivariada a influência do peso ao nascer e do ganho de peso no primeiro semestre de vida sobre esses desfechos, controlados pelo sexo, aleitamento materno total, condições socioeconômicas e estado nutricional materno. Observou-se que o baixo peso ao nascer contribuiu significantemente com a redução do índice de massa corporal e da circunferência da cintura, explicando 10% da variação dessas medidas, enquanto que, o rápido ganho de peso nos primeiros seis meses, sexo masculino, menor frequência de amamentação total, melhor condição socioeconômica e maior índice de massa corporal materno, contribuíram com a elevação desses desfechos. Os achados demonstram que o baixo peso ao nascer influenciou negativamente as medidas corporais, enquanto que a aceleração compensatória do crescimento após o nascimento determinou maiores medidas na idade escolar
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9325
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Saúde da Criança e do Adolescente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3398_1.pdf2.23 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.