Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9309
Título: Formação profissional, ensino superior e a construção da profissão do engenheiro pelos movimentos estudantis de engenharia : a experiência a partir da Escola de Engenharia da Universidade Federal de Pernambuco (1958-1975)
Autor(es): Luiz Machado Silva, Otávio
Palavras-chave: Movimento Estudantil; Profissões; Juventude; Universidade; Engenharia
Data do documento: 31-Jan-2008
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Luiz Machado Silva, Otávio; Weber, Silke. Formação profissional, ensino superior e a construção da profissão do engenheiro pelos movimentos estudantis de engenharia : a experiência a partir da Escola de Engenharia da Universidade Federal de Pernambuco (1958-1975). 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Resumo: O estudo que desenvolvemos teve como objeto o movimento estudantil da Escola de Engenharia de Pernambuco entre 1958 e 1975. O principal objetivo foi captar as propostas de formação profissional que estavam então sendo apresentadas pelos estudantes, aspecto pouco tratado na literatura. Para tanto procedemos à análise de documentos institucionais e estudantis, depoimentos e entrevistas com participantes do movimento estudantil. Tomamos o movimento estudantil como um ator social envolvido no debate sobre as mudanças sociais e na busca de uma nova configuração do ensino superior, representando a sua participação política o principal canal de expressão dos jovens brasileiros. Suas lutas trouxeram preocupações das camadas médias em ampliar suas oportunidades educacionais e ascender socialmente, bem como possibilitaram a construção de um discurso focado na construção de novos desenhos formativos que antecipavam questões do campo profissional em que os atores ainda não estavam inseridos. Consideramos que um projeto de mobilidade social coletiva foi construído porque o movimento estudantil defendia a atualização da formação como condição de inserção no mercado de trabalho criado pelo desenvolvimento industrial
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9309
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Sociologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo4106_1.pdf733,73 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.