Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9241
Title: Alterações eletrocardiográficas na cardite reumática aguda clínica e subclínica
Authors: Lapa Santos, Frederick
Keywords: Cardite reumática;Eletrocardiograma;Cardite clínica e subclínica
Issue Date: 2007
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Lapa Santos, Frederick; Cleano Ribeiro Saraiva, Lurildo. Alterações eletrocardiográficas na cardite reumática aguda clínica e subclínica. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Saúde do Adulto e do Idoso, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Abstract: A Febre Reumática (FR) é uma complicação tardia, não supurativa, de uma infecção de orofaringe pelo estreptococo beta-hemolítico do grupo A de Lancefield, acometendo indivíduos geneticamente predispostos. A doença adquire primordial importância nos países em desenvolvimento, sendo a principal causa de internamento por doença cardiovascular em crianças e adultos jovens nesses locais. Seu diagnóstico é efetuado obedecendo critérios clínicos e laboratoriais propostos por Jones. Trata-se de um problema importante de Saúde Pública no Brasil, da mesma forma que nos demais países em desenvolvimento em todo o mundo. Embora considerada doença rara nos países desenvolvidos, o surto de Utah reacendeu o interesse pelos aspectos etiopatológicos e clínicos da doença. Esta dissertação está composta por dois artigos, a serem publicados em revistas da área de Cardiologia. O primeiro artigo trata de revisão da literatura médica sobre as alterações eletrocardiográficas durante surto agudo de FR. Publicações têm diminuído nos últimos anos, embora a importância do eletrocardiograma para a prática cardiológica continue, já que se trata de exame de baixo custo, de fácil execução e que pode auxiliar no diagnóstico da fase aguda da doença. No segundo artigo é apresentado uma série de 43 casos em primeiro surto de FR, com comprometimento do coração, divididos em dois grupos. Um grupo com cardite clinicamente manifesta e outro com cardite detectada apenas através do exame ecodopplercardiográfico, o que é denominado mais recentemente de cardite subclínica. O objetivo principal do trabalho é o de descrever e comparar as alterações nos dois grupos de pacientes. Não foi encontrado na literatura artigos que se preocupem com a mesma matéria. Foi dado uma ênfase especial aos aspectos relacionados com os intervalos PR e QT do eletrocardiograma. Cinqüenta e duas crianças e adolescentes saudáveis foram utilizados como grupo de comparação
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9241
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Saúde do Adulto e do Idoso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo8731_1.pdf5.93 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.