Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9101
Título: Alterações do comportamento em uma série de pacientes com doença meningocócica
Autor(es): de Barros Lima Filho, Alberto
Palavras-chave: Lectina de Ligação a Manose; Criança; Meningite Meningocóccica; Síndromes de Imunodeficiência
Data do documento: 31-Jan-2010
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: de Barros Lima Filho, Alberto; Sávio Cavalcanti Sarinho, Emanuel. Alterações do comportamento em uma série de pacientes com doença meningocócica. 2010. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Resumo: Racional: A doença meningocócica possui formas clínicas que podem variar desde portador assintomático do meningococo até apresentar quadros de septicemia fulminante, de evolução fatal em poucas horas. Algumas alterações no sistema imune do hospedeiro foram relacionadas como fatores predisponentes à doença meningocócica, tais como a deficiência do sistema complemento. Objetivo: Investigar a presença de deficiência de elementos do sistema complemento em pacientes com doença meningocócica pregressa. Métodos: Estudo do tipo série de casos com crianças de 5 meses a 15 anos realizado em hospital de referência para doença meningocócica na cidade do Recife, Pernambuco, Brasil. Foram avaliadas 40 crianças com diagnóstico pregresso confirmado de qualquer das formas de doença meningocócica nas quais for realizada a avaliação do sistema complemento através da dosagem de C3, C4 e CH50, além do estudo gênico da Lecitina Ligadora de Manose (MBL). Resultados: Do total, 11 (27,5%) pacientes apresentaram apenas diminuição da fração C4 do complemento, enquanto um paciente (2,5%) apresentou diminuição das frações C3, C4 e CH50. A genotipagem da MBL foi normal (AA) em 21 casos (55,3%), heterozigoto (AO) em 14 casos (36,8%) e homozigoto (OO) em 3 casos (7,9%). Conclusões: A deficiência de complemento e a variação gênica da MBL se apresentaram com uma freqüência considerável na série de pacientes com doença meningocócica , sendo a sua avaliação questionada para os acometidos por esta grave doença
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9101
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Saúde da Criança e do Adolescente

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo1392_1.pdf424,21 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.