Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9094
Title: Efeito em longo prazo da desnutrição protéica pós-natal imediata sobre a função de macrófagos em ratos
Authors: Gomes da Silva Carvalho, Queliane
Keywords: Óxido Nítrico; Macrófago Alveolar; Desnutrição; Viabilidade; Ratos
Issue Date: 27-Feb-2012
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Gomes da Silva Carvalho, Queliane; . Efeito em longo prazo da desnutrição protéica pós-natal imediata sobre a função de macrófagos em ratos. 2012. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Patologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2012.
Abstract: Manipulações nutricionais em períodos críticos de desenvolvimento, que levam à desnutrição, promovem consequências negativas em longo prazo no funcionamento do sistema imunológico. O macrófago atua em diferentes momentos da resposta imune, participando tanto da resposta inata quanto da resposta imune adaptativa, contudo, ainda são poucos os estudos que se dedicam a esclarecer o comportamento desta célula em situações onde houve privação de nutrientes em períodos precoces da vida. Tais informações poderiam ajudar a esclarecer o comportamento do sistema imune submetido à privação nutricional bem como as possíveis consequências destas mudanças na homeostase de um organismo. No artigo Desnutrição pós-natal imediata altera a viabilidade e função dos macrófagos em ratos , o impacto da manipulação nutricional no período pós-natal imediato em macrófagos alveolares de ratos foi avaliado quanto à função, quantidade e viabilidade em animais adultos. Ratos foram amamentados por mães alimentadas com uma dieta purificada deficiente em proteínas ou por uma dieta multideficiente semelhante a consumido durante a década de 1960 pelas populações desnutridas no nordeste do Brasil, chamada de Dieta Básica Regional (DBR). Quando adultos foram avaliados quanto aos parâmetros hematológicos e suas células broncoalveolares foram examinadas quanto a funcionalidade e viabilidade. O presente estudo mostrou que não ocorreram modificações nos valores hematológicos das séries vermelha e branca, bem como não alterou o numero de células totais no lavado broncoalveolar. O estudo da cultura celular revelou que ambas, as manipulações da dieta indicaram diminuição da viabilidade e da função da célula. Este último foi indicado pela redução da capacidade do macrófago em produzir NO. Em conclusão, as manipulações dietéticas ocorrida do período pós-natal imediato geram alterações permanentes nos macrófagos de ratos na vida adulta. Novos estudos ajudarão a desvendar os mecanismos pelos quais a desnutrição em períodos críticos de desenvolvimento prejudica o equilíbrio do sistema imune. O entendimento aprofundado destes mecanismos poderá, quem sabe, no futuro, permitir a prevenção dos efeitos deletérios da má nutrição no início da vida, quer seja por meio de intervenção medicamentosa, nutricional ou com mudanças dos hábitos de vida
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9094
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Patologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
QGSC.pdf1.2 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.