Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8986
Título: Estudos visando a síntese total da combretastatina D-2
Autor(es): Raysth Martinez, Walter
Palavras-chave: Combretastatina D-2; Trifluoroboratos; Reação de sonogashira
Data do documento: 31-Jan-2010
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Raysth Martinez, Walter; Henrique Menezes da Silva, Paulo. Estudos visando a síntese total da combretastatina D-2. 2010. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Química, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Resumo: A Combretastatina D-2 é uma macrolactona isolada em 1989 da árvore sul africana Combretum caffrum. A partir de 77 Kg da casca foram obtidos 5,8 mg do produto natural - um rendimento de 7,5 × 10-6 %. Este composto exibiu atividade antineoplásica sobre células leucêmicas P-388 ao impedir a desmontagem dos microtúbulos durante a mitose celular. O mecanismo de ação incomum tornou a Combretastatina D-2 um alvo de permanente investigação na farmacologia anticâncer. Assim, com o desejo de contribuir com as investigações sobre esta macrolactona, neste trabalho é proposta a investigação de uma nova estratégia de síntese para a preparação deste produto natural. A estratégia sintética proposta foi baseada no acoplamento de dois fragmentos principais: A e B. O fragmento A consistiu em um composto de boro, sintetizado na forma de um ácido borônico ou um trifluoroborato de potássio em rendimentos globais moderados. Para a preparação do fragmento B, um fenol, foram envolvidas reações de acoplamento do tipo Sonogashira e reação de hidrogenação catalítica
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8986
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Química

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo963_1.pdf3,65 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.