Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8387
Title: Análise do quadro clínico da linguagem verbal em pacientes adultos jovens acometidos por acidente vascular encefálico isquêmico ou hemorrágico
Authors: ROCHA, Jonathas Miranda Vilela
Keywords: Acidente Vascular Encefálico; Afasia; Testes de Linguagem
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Miranda Vilela Rocha, Jonathas; Ataíde Júnior, Luiz. Análise do quadro clínico da linguagem verbal em pacientes adultos jovens acometidos por acidente vascular encefálico isquêmico ou hemorrágico. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Neuropsiquiatria e Ciência do Comportamento, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: INTRODUÇÃO: As afasias, transtorno da linguagem verbal adquirido por lesão neurológica, possui uma incidência de 21-38% dos casos dos quais o acidente vascular encefálico (AVE) se revela a patologia de base. O estudo das afasias decorrentes de AVE, pela natureza nãoevolutiva permite um maior conhecimento sobre o substrato da linguagem no cérebro e de outras funções cognitivas. A diferença do AVE no jovem em relação ao idoso assenta sobretudo no espectro etiológico, que é mais alargado (com uma proporção maior de casos cuja causa é indeterminada) e no prognóstico, que é em geral mais favorável. As seqüelas resultantes implicam em algum grau de dependência, principalmente no primeiro ano após o AVE, com cerca de 30 a 40% dos sobreviventes impedidos de retornar ao trabalho e requerendo algum tipo de auxílio no desempenho das atividades cotidianas. OBJETIVO: Analisar o desempenho de pacientes adultos jovens acometidos por acidente vascular encefálico isquêmico (AVEI) ou acidente vascular encefálico hemorrágico (AVEH) nas tarefas de linguagem do protocolo Montreal-Toulouse versão Alpha. MÉTODOS: Para tal, a coleta de dados foi realizada na enfermaria neurocirúrgica do Hospital da Restauração, em Recife PE, contando com a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa deste estabelecimento de saúde. Participaram da pesquisa 40 pacientes de ambos os sexos, dos 26 a 49 anos, divididos em dois grupos de AVE com episódios isquêmico ou hemorrágico. Todos foram avaliados através do protocolo Montreal-Toulouse versão Apha, teste da linguagem verbal validado no Brasil podendo ser realizado em 30 minutos à beira do leito. Para análise estatística dos dados foram utilizados os testes exato de Fisher e o Mann Whitney. RESULTADOS: Na faixa etária em relação aos grupos de AVEI e AVEH, foi observada uma maior freqüência (32.5%) a partir dos 42 anos alcançando a idade limítrofe de 49 anos com 26 sujeitos, enquanto apenas 2 sujeitos (5%) concentraram-se entre os 30 a 33 anos. Os sujeitos não-alfabetizados e com 4 anos de escolaridade representaram maior freqüência no AVEH em relação ao AVEH que se concentrou com sujeitos entre 6 a 11anos de escolaridade, havendo em relação à escolaridade em anos diferença estatística significativa (p= 0.001) entre os grupos. Quando os grupos de AVEI (n=23) e AVEH (n=14), são divididos em sub-grupos de discurso fluente e não-fluente nas tarefas de compreensão oral, nomeação e repetição e leitura do grupo de AVEI, houve diferença estatística significativa (p= 0.016), (p= 0.003), (p= 0.001) no sub-grupo fluente em relação ao sub-grupo não-fluente, demonstrando a interferência da fluência do discurso no melhor do desempenho entre os sub-grupos.CONCLUSÕES: Os grupos de AVEI e AVEH, divididos em sub-grupos de AVEI com discurso fluente e não-fluente, foram encontradas diferenças estatísticas significativa no desempenho nas tarefas de linguagem do Protocolo Montreal-Toulouse, em relação ao sub-grupo de AVEH com discurso fluente e não-fluente, em que a interferência da fluência do discurso na performance se torna o achado de maior relevância deste estudo, superando a influência do maior comprometimento da lesão no pior desempenho de sujeitos afásicos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8387
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Neuropsiquiatria e Ciência do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo4219_1.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.