Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8350
Title: Dislipidemia em escolares de 10 a 14 anos da cidade do Recife/PE - 2007
Authors: PEREIRA, Patrícia Brazil
Keywords: Dislipidemias; Adolescente; Sobrepeso; Obesidade; Doenças cardiovasculares; Hereditariedade
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Brazil Pereira, Patrícia; Kruse Grande de Arruda, Ilma. Dislipidemia em escolares de 10 a 14 anos da cidade do Recife/PE - 2007. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Nutrição, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: Dislipidemia é um quadro clínico caracterizado por concentrações anormais de lipídios ou lipoproteínas no sangue e é determinada por fatores genéticos e ambientais, sendo sua ocorrência crescente na população infanto-juvenil. Níveis alterados do perfil lipídico estão relacionados com maior incidência de hipertensão e doença aterosclerótica. A dissertação teve como objetivo avaliar a magnitude das dislipidemias; verificar o perfil lipídico, segundo o sexo e parâmetros de classificação do estado nutricional; além de investigar associações das dislipidemias com o excesso de peso, obesidade abdominal e história familiar positiva para doenças cardiovasculares em escolares da cidade do Recife-PE. Foi desenvolvido um estudo transversal com 470 adolescentes de 10 a 14 anos, de ambos os sexos, da rede pública de ensino de Recife-PE. Além do sangue para a análise do perfil lipídico, foram coletadas informações sobre dados pessoais, situação sócio econômica, estado nutricional (peso, altura, circunferência da cintura e relação circunferência da cintura/altura) e história familiar dos participantes. A análise estatística foi realizada com os programas Epi-info 6.04 e SPSS 13.0. Adotou-se o nível de significância de 5%. Os achados da pesquisa deram origem a dois artigos originais. Os resultados do primeiro revelaram que a maior parte da população era dislipidêmica (63,8%, IC95% 59,3-68,2), sendo a hipoalfalipoproteinenia a dislipidemia mais prevalente (56%, IC95% 51,3-60,5), e que os adolescentes com excesso de peso ou com obesidade abdominal apresentaram valores mais elevados de triglicerídeo e mais baixos de HDL-colesterol (p < 0,05). No segundo artigo, os resultados mostraram que a hipertrigliceridemia foi a única dislipidemia associada à história familiar de doença cardiovascular precoce (p = 0,034), que as alterações de LDLc e HDL-c apresentaram associações com excesso de peso (p = 0,022; p= 0,004) e obesidade abdominal (p < 0,05), e que a distribuição central de gordura classificada pelo indicador circunferência da cintura/altura, foi o maior fator de risco para alterações de LDL-c (RP 5,47; IC 1,58 18,52). Os resultados demonstraram elevado percentual de dislipidemia nos adolescentes, o que faz alertar para a necessidade de dosagem do perfil lipídico já nesta faixa etária. O excesso de peso e a obesidade central revelaram-se como fatores de risco para as alterações de LDL-c e HDL-c. Os achados registram a necessidade de adoção de medidas que visem à prevenção e/ou controle da adiposidade como forma de reduzir possíveis alterações lipídicas
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8350
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3844_1.pdf1.24 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.