Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8338
Title: Do se esconder ao se mostrar : cirurgia plástica e normalização entre mulheres jovens de classe popular
Authors: AQUINO, Thalita Ágata Moura de
Keywords: Cirurgia Plástica Estética; Mulher; Classe Popular; Normalização
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ágata Moura de Aquino, Thalita; Felipe Rios do Nascimento, Luis. Do se esconder ao se mostrar : cirurgia plástica e normalização entre mulheres jovens de classe popular. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: Essa pesquisa se propôs a investigar os fatores psicossociais que se articulam na construção do desejo por cirurgia plástica estética entre mulheres jovens de classe popular. Para alcançar tal objetivo busquei identificar as concepções de corpo vigentes entre as mulheres e o significado para elas das diferentes partes do corpo (peito, bunda, pernas...); busquei também averiguar as expectativas das mulheres sobre as mudanças pós-cirurgia plástica estética frente aos diferentes atores sociais (indivíduos, grupos e instituições) com quem elas se relacionam e, por fim, procurei analisar as diferentes ordens motivacionais para a busca da intervenção cirúrgica. A pesquisa considera o desejo como socialmente construído, apoia-se no contrucionismo e na Psicologia Cultural de Jerome Bruner. A proposta de uma abordagem psicossocial do corpo pretende ampliar os estudos da temática, majoritariamente focados no corpo biologizado. Os dados foram colhidos por meio de entrevista; a pesquisa é de abordagem qualitativa, foram entrevistadas seis mulheres de classe popular, com idades entre 21 e 30 anos, que buscavam cirurgia plástica estética nos serviços públicos de saúde. Frente à popularização das cirurgias plásticas, esta técnica aparece como mais uma opção para transformação corporal na classe popular. Foi possível identificar uma trajetória realizada por essas mulheres, que compreende o percurso do se esconder ao se mostrar . O primeiro momento é caracterizado e justificado por elas estarem fora da norma corporal imposta socialmente, norma que muitas vezes prioriza uma beleza corporal branca . O último momento, se mostrar , corresponderia ao que sucederá no pós-cirúrgico, onde seria possível um retorno à cena social, após a adequação à norma. A cirurgia plástica parece ser um instrumento que permite resultados imediatos na transformação corporal, ajudando na passagem do se esconder ao se mostrar socialmente. O contexto das falas reforça que o desejo maior é o de finalmente estar na norma e, por isso, mais confortável frente ao outro e a si mesma. Elas buscam o mundo dos normais , que estão protegidos da crítica
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8338
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3680_1.pdf1.59 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.