Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8337
Título: Avaliação das concentrações de metais-traço e suas interações nos sedimentos e biota do parque dos manguezais, região metropolitana do Recife (RMR), Pernambuco, Brasil
Autor(es): Karla Philippini Da Silva, Hélida
Palavras-chave: Metais-traço; Sedimentos; Moluscos; Manguezal
Data do documento: 31-Jan-2010
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Karla Philippini Da Silva, Hélida; José de Macêdo, Silvio. Avaliação das concentrações de metais-traço e suas interações nos sedimentos e biota do parque dos manguezais, região metropolitana do Recife (RMR), Pernambuco, Brasil. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Oceanografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Resumo: Os despejos industriais e urbanos lançados nos ecossistemas aquáticos têm sido objetos de discussão em todo mundo, pois provocam modificações ambientais, aumentando também a pressão sobre as áreas costeiras. Como a maioria das cidades localizadas ao longo da costa brasileira, a cidade do Recife tem seu processo de urbanização determinado pela presença dos rios. A ocupação e a expansão urbana da planície do Recife vêm ocorrendo através de aterros, principalmente das áreas alagadas, que eram os espaços naturais das águas. O Parque dos Manguezais está localizado na cidade do Recife-Pernambuco, Brasil, entre os bairros do Pina e Boa Viagem, possuindo uma área total de 316 ha, sendo 225,82 ha (71,26%) de cobertura vegetal (mangue). O objetivo deste trabalho foi avaliar as concentrações de metais-traço (Cromo, Manganês, Ferro, Cobalto, Níquel, Cobre, Zinco, Cádmio, Chumbo) no compartimento sedimento, nos moluscos bivalves e árvores de mangue da área, determinando suas variações sazonais, interações com os compartimentos estudados, de modo a fornecer subsídios para estabelecer um sistema de monitoramento ambiental da área. As amostras superficiais de sedimento foram coletadas durante os períodos seco e chuvoso de 2006 a 2008 em 12 pontos ao longo dos rios que cortam a área, em suas margens direita e esquerda, em profundidades compreendidas entre 0-10 cm, durante as baixa-mares. Para a coleta do material sedimentado nas 24 horas, foram utilizadas 08 armadilhas, distribuídas entre 04 estações. Após transcorridas 24 horas, as amostras foram recolhidas (na baixa-mar) e levadas para posterior filtração em laboratório. Os parâmetros oxigênio dissolvido, pH, salinidade, temperatura, transparência da água e taxa de saturação de oxigênio foram determinados in situ segundo métodos reconhecidos internacionalmente. As amostras de moluscos Mytella charruana e Anomalocardia brasiliana foram coletas em um banco natural, localizado entre as estações 01 e 02 e as raízes de árvores de mangue, coletadas próximas às estações destinadas às análises dos sedimentos. Para quantificação da concentração de metais traço nas amostras foi utilizado um Espectrômetro de Emissão Ótica em Plasma Indutivamente Acoplado (ICP-OES). Os resultados obtidos indicaram que os sedimentos apresentaram níveis de metais acima dos valores obtidos do background , indicando uma contaminação da área por cromo, manganês e zinco. Quanto aos moluscos bivalves, os resultados apresentaram-se dentro dos valores máximos permissíveis para legislação brasileira, exceto para os elementos ferro e manganês que se encontraram acima dos valores máximos de consumo recomendados pela literatura internacional. Para as raízes de árvores de mangue, as concentrações situaram-se dentro da normalidade. Os resultados obtidos nos diferentes compartimentos demonstraram que o ecossistema em pauta, é capaz de atuar como uma barreira geoquímica, acumulando metais, contribuindo desta maneira para um perfeito gerenciamento ambiental dos ecossistemas de manguezais na região nordeste do Brasil
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8337
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Oceanografia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo391_1.pdf823,43 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.