Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8308
Title: Parâmetros hidrológicos correlacionados com a biomassa e composição fitoplanctônica na região costeira adjacente à desembocadura do Rio Sirinhaém (Pernambuco-Brasil)
Authors: Vinicius Lourenço de Mello, Marcus
Keywords: Hidrologia; Biomassa; Fitoplâncton; Estuário tropical
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Vinicius Lourenço de Mello, Marcus; Muniz Pereira da Costa, Katia. Parâmetros hidrológicos correlacionados com a biomassa e composição fitoplanctônica na região costeira adjacente à desembocadura do Rio Sirinhaém (Pernambuco-Brasil). 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Oceanografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: O rio Sirinhaém nasce na Serra do Alho no município de Camocim de São Félix e deságua no litoral do município de Sirinhaém, situado na região fisiográfica da Mata meridional de Pernambuco, a 76 km do Recife. O presente trabalho foi realizado na zona costeira do litoral sul de Pernambuco, entre a desembocadura do rio Sirinhaém e a Ilha de Santo Aleixo. Trata-se de uma área importante por sustentar intensa atividade pesqueira e turística, exercendo relevante papel socioeconômico para a população local. O trabalho foi desenvolvido tendo como objetivo determinar as condições hidrológicas e avaliar sua relação com a comunidade e a biomassa fitoplanctônica, bem como a influência do hidrodinamismo provocado pelas variações das marés. As coletas foram realizadas em três estações fixas, durante o período de estiagem (outubro, novembro e dezembro/2007) e chuvoso (maio, junho e julho/2008), em dois regimes de maré (preamar e baixamar). A profundidade nas estações de coleta variou de 2,6 a 8,5m; a transparência da água entre 0,2 e 6,0m; a temperatura apresentou valores oscilando entre 25ºC e 30,5ºC, não sendo verificada estratificação térmica na coluna d água; a salinidade apresentou um gradiente crescente à medida que se afasta da costa, com valores variando entre 2,44 e 37,18 (oscilando entre os regimes oligoalino a eurialino); o pH manteve-se sempre alcalino; o oxigênio dissolvido de 2,33 até 5,68 ml.L-1, as taxas de saturação do oxigênio variaram de 45,53% à 127,64%, estando dentro da classificação de área semipoluída a saturada; material em suspensão de 0,6 à 120,6mg.L-1; a biomassa fitoplanctônica total 0,5 à 7,92mg.m-3, e a biomassa fracionada 0,13 a 7,71mg.m-3. As concentrações de sais nutrientes (nitrito, nitrato, amônia, fosfato e silicato) mantiveram-se abaixo dos níveis considerados normais para cada nutriente analisado. Foram identificados 115 táxons, distribuídos em seis divisões, sendo Bacillariophyta o grupo dominante, destacando-se as espécies Paralia sulcata e Asterionellopsis glacialis, em termos de frequência e abundância, respectivamente. Os resultados dos parâmetros hidrológicos mostram características de uma área mesotrófica, dando sustentabilidade à produtividade primária
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8308
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Oceanografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1459_1.pdf3.07 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.