Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8020
Title: Avaliação do nível de satisfação com a vida de pacientes submetidos à expansão maxilar cirurgicamente assistida e o seu impacto na qualidade de vida
Authors: Fernando do Amaral, Marcelo
Keywords: Saúde bucal; Qualidade de vida; Técnica de expansão palatina
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Fernando do Amaral, Marcelo; Freire Lisboa de Castro, Jurema. Avaliação do nível de satisfação com a vida de pacientes submetidos à expansão maxilar cirurgicamente assistida e o seu impacto na qualidade de vida. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Odontologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: Objetivo: O objetivo deste trabalho é o de avaliar o impacto da expansão maxilar cirurgicamente assistida (EMCA) na qualidade e satisfação de vida de pacientes. Materiais e Métodos: A amostra consistiu de 30 pacientes, de ambos os sexos, submetidos à EMCA. Todos os pacientes responderam o Oral Health Impact Profile (OHIP-14) para a avaliação da percepção do impacto bucal na qualidade de vida e ao Satisfation with life Scale (SWLS) na mensuração da satisfação com a vida. Resultado: Pacientes, entre 18 a 35 anos de idade (média 24,57± 4,84) participaram do estudo. O sexo feminino foi predominante com 63,3%. No OHIP-14 as maiores pontuações detectadas, no pré-operatório foi durante a fala (80%) e no pós-operatório o maior impacto ocorreu relacionado a dor (10%). Uma significância estátistica (p < .001), foi obtida na comparação entre as médias dos escores totais das variáveis do OHIP-14 antes (24,83) e OHIP-14 depois (17,57), e nos domínios da limitação funcional (p = .001), dor física (p = .003), deficiência física (p = .012), e déficit social (p = .043). Na avaliação da escala de satisfação com a vida ( ESV) observa-se um alto nível de satisfação presente na amostra. Conclusão: Na avaliação dos impactos da EMCA na qualidade de vida dos indivíduos, através do OHIP-14 observa-se que a limitação funcional e a dor física são os domínios que mais afetam os pacientes no pré-operatório e são os domínios que apresentam a maior redução percebida pelos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/8020
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3583_1.pdf943.02 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.