Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7841
Title: A formação da sociedade no sertão pernambucano: trajetória de núcleos familiares
Authors: Valença Ferraz, Tatiana
Keywords: Família; Propriedade; Trabalho Escravo; Bens; Estado; Brasil Império; Município de Floresta do Navio; Sociedade
Issue Date: 2004
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Valença Ferraz, Tatiana; Maria Pires Brandão, Tanya. A formação da sociedade no sertão pernambucano: trajetória de núcleos familiares. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Abstract: No processo de construção da história brasileira existe uma diversidade de elementos sociais que compõe a história das sociedades. Na perspectiva dos estudos realizados por historiadores da História Social o elemento de construção social FAMÍlIA vem sendo abordado, com o intuito de visualizarmos os vestígios do cotidiano de um tempo vivido por determinados núcleos familiares que, para nós, se configura como o passado. O cotidiano de um outro tempo, para o historiador social, é revelado através das informações coletadas a partir de um corpus documental que forneça indicativos a respeito dos hábitos de vivência de determinados grupos de família e, que venham a corroborar com a visualização do cenário onde atuaram as personagens da nossa história. As questões que dizem respeito às famílias do passado e ao seu cotidiano, para a história social, estão associadas aos seus hábitos alimentares, seu tipo de vestimenta, ao desenvolvimento de uma atividade econômica, ao ambiente da casa, seu mobiliário e, às pessoas que coabitaram este contexto. O cenário, composto por essas questões apresentadas, irá corroborar com a análise deste ambiente dentro de seu contexto histórico e, de como as estruturas sociais que regeram a sociedade brasileira, o Estado e a Igreja, vão interferir ou não no cotidiano dessas famílias. Dessa forma é que o trabalho, A formação da sociedade no sertão pernambucano: trajetória de núcleos familiares , vem contribuir com o processo de construção da história brasileira, trazendo elementos do cotidiano de núcleos familiares que ocuparam e povoaram a região do Vale do São Francisco, mais especificamente o município de Floresta do Navio, entre as décadas de 1840 a 1880. A pesquisa explora o cenário do sertão pernambucano e o desenvolvimento das relações de trabalho, a construção da propriedade, as atividades econômicas e suas relações sociais atreladas ao início da construção de uma política administrativa que regeu esta sociedade. Para isso, utilizamos os inventários post mortem do século XIX, das famílias que habitaram o município de Floresta do Navio, documentos de batismo da região, presentes no Laboratório de Pesquisa Histórica da UFPE, os estudos de genealogia da região florestana, documentos referentes a processos da Câmara Municipal de Floresta do Navio que se encontram no Arquivo Estadual Jordão Emerenciano, além de uma bibliografia que trata sobre a historiografia do contexto histórico que vai desde o período colonial até o governo de D. Pedro II
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7841
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7773_1.pdf725.65 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.