Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7832
Title: Dom Arcoverde: o Cardeal dos Sertões 1870-1922
Authors: Socorro farias de Vasconcelos Leite, Marjone
Keywords: Religião; Sertão; Século XIX
Issue Date: 2004
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Socorro farias de Vasconcelos Leite, Marjone; Maria Brandão de Aguiar, Sylvana. Dom Arcoverde: o Cardeal dos Sertões 1870-1922. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Abstract: O ponto principal da nossa investigação histórica é a análise do processo político eclesiástico que culminou com a nomeação de D. Arcoverde como o primeiro cardeal da América Latina, processo este que ocorreu num momento de transição política em que o Estado Brasileiro encontrava-se institucionalmente separado da Igreja Católica por ocasião da Proclamação da República. Na Historiografia Brasileira, destacamos as relações políticas entre o Estado Brasileiro, a Igreja Católica do Brasil e a cúpula da Igreja Católica em Roma, dentro de um contexto da romanização do Catolicismo brasileiro no período que vai de 1870 a 1922. A partir da análise de fontes primárias, muitas delas inéditas, sistematizadas no Arquivo Público Estadual Jordão Emerenciano, no Arquivo da Cúria Metropolitana de Recife e Olinda, no Arquivo da Cúria do Estado de São Paulo e documentos referentes as autoridades civis da Chancelaria brasileira, julgamos que mesmo o Estado Brasileiro encontrando-se secularizado, enceta uma campanha acirrada para a conquista do cardinalato, com altíssimos custos financeiros. Do ponto de vista metodológico, acreditamos que nosso estudo circunscreve-se no âmbito da História Social, onde foi necessária a utilização de conceitos como o de circularidade histórica discutido por Carlo Ginzburg e Mikhail Bakhtin; disciplinamento social para Michel Foulcault e biografia como construção do sujeito social. Do que foi argumentado, é possível compreender que mesmo separada oficialmente do Estado, a Igreja Católica no Brasil, na alvorada republicana, continuou detentora de poderes e benefícios muito especiais
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7832
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7762_1.pdf6.82 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.