Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7812
Title: O professor e o texto desencontros e esperanças : um olhar sobre o fazer pedagógico de professores de português do ensino médio e suas concepções de linguagem
Authors: Firmino Soares, Inaldo
Keywords: Concepções de linguagem; Perspectiva textual-interacionista; Formação continuada; Práticas pedagógicas
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Firmino Soares, Inaldo; Virgínia Leal, Maria. O professor e o texto desencontros e esperanças : um olhar sobre o fazer pedagógico de professores de português do ensino médio e suas concepções de linguagem. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Abstract: Desde a década de 1980, pesquisas que focalizam transformações no processo de ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa apontam para a necessária adoção de uma perspectiva textual-interacionista, que tanto resolveria o problema de integração entre os diferentes aspectos de funcionamento da língua na interação comunicativa, como libertaria o professor da tradição metodológica em que muitas vezes ele se deixa aprisionar pelo ensino de gramática como um fim em si mesma. Este trabalho, situado na área de Lingüística Aplicada ao Ensino de Línguas, abrangendo especificamente o ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa, aborda a articulação/desarticulação entre um saber lingüístico baseado nas teorias enunciativas e discursivas e a prática pedagógica de professores de Português do ensino médio da rede particular do Recife. Para que esses elementos pudessem ser observados, fez-se o levantamento da concepção de ensino e das concepções lingüísticas adotadas por alguns professores responsáveis pelas aulas dessa disciplina, sujeitos da pesquisa. As fontes bibliográficas contribuíram para a delimitação do objeto e para a definição das categorias de análise. Para atender aos objetivos desta pesquisa, de caráter descritivo e exploratório, utilizou-se a abordagem qualitativa, que permite ao pesquisador um aprofundamento no mundo dos significados das ações e relações humanas, o qual não é perceptível nem captável em equações, médias e estatísticas. A escuta dos professores por meio de entrevistas foi decisiva para a realização dos objetivos pretendidos: análise da articulação por eles realizada entre o conhecimento da língua e os fundamentos do seu ensino, e análise da influência das visões preconcebidas do professor sobre a sua prática pedagógica. Dessa análise, alguns resultados podem ser apontados. A esses professores, falta clareza acerca da concepção de linguagem que norteia o seu fazer pedagógico, decorrente de lacunas em sua formação teórica e de sua dependência ao livro didático, o que implica uma série de contradições e de conflitos entre a tradição e a ruptura, contribuindo para uma visão difusa e contraditória das concepções constituídas nesse campo discursivo. A presença do texto em sala de aula tornouse apenas figura simbólica de uma perspectiva inovadora de ensino-aprendizagem de Português, ditada pelo discurso oficial, pelos livros didáticos, pela academia e até pelo próprio professor. A pesquisa aponta, portanto, para a necessidade de se investir cada vez mais na qualificação desse professor para que ele seja capaz de atuar, convincente e coerentemente, de forma a contemplar a heterogeneidade dos sujeitos, da linguagem e dos sentidos e a diversidade do discurso que se produz nesse contexto
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7812
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Linguística

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7582_1.pdf3.76 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.