Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7811
Title: Relação entre formação profissional e empregabilidade : uma análise dos egressos da área de construção civil do CEFET/PE
Authors: FRANÇA, Lucia Helena Magalhães
Keywords: Mercado de trabalho;Empregabilidade;Formação profissional
Issue Date: 2004
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Helena Magalhães França, Lucia; Antônio Sebastião Pellerin da Silva, Georges. Relação entre formação profissional e empregabilidade : uma análise dos egressos da área de construção civil do CEFET/PE. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Gestão e Pública p/ o Desenvolvimento do Nordeste, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Abstract: Este Estudo investiga as condições de empregabilidade dos egressos da Área de Construção Civil dos Cursos de Edificações e Construção de Edifícios, do Centro Federal de Educação Tecnológica de Pernambuco. A área citada foi escolhida por ser a primeira do CEFET-PE a implantar seus cursos nos moldes da nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Os referidos Cursos foram estruturados de acordo com resultados obtidos através de pesquisa de mercado, que apontou o setor com tendência de crescimento na cidade do Recife. A estrutura curricular foi desenhada após o advento da Reforma da Educação Profissional, ocorrido no final do ano de 1996 com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei nº 9394/96) que substituía a Lei nº 5692/75. Como fontes de pesquisa foi analisada a Legislação correspondente a Educação Profissional e ampla bibliografia referente à Educação e Formação Profissional. .Dentro desse enfoque, esse estudo foi realizado com egressos dos Cursos mencionados acima, onde foi possível analisar a situação dos mesmos no que diz respeito à questão da empregabilidade. Foram utilizados três modelos de questionários: (1). Para os egressos fora do mercado de trabalho; (2). Para os egressos que estavam trabalhando fora da sua área de formação; (3). Para os egressos que estavam trabalhando em sua área de formação. Da análise dos depoimentos colhidos, verificaram-se detalhes relevantes valendo a pena destacar alguns como: os egressos entrevistados são geralmente satisfeitos com a formação recebida e aqueles que prosseguiram seus estudos nos cursos de graduação sentem-se mais bem preparados do que aqueles que não receberam formação profissional, ou seja, cursaram apenas o ensino médio. Esta pesquisa mostra que, apesar dos pontos negativos relativos à formação profissional, evidenciados através das entrevistas, fica constatado também que existe uma estreita relação entre a formação profissional e a empregabilidade, proporcionando ao egresso um melhor desempenho no curso superior, uma maior clareza no que diz respeito à escolha profissional e uma boa aprendizagem prática capaz de tornar o egresso da Área de Construção Civil empregável na área de sua respectiva formação ou fora dela
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7811
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo7913_1.pdf1.14 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.