Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/724
Title: Status conservacionista da mastofauna em fragmentos de Mata Atlântica Nordestina
Authors: Paulo da Silva Júnior, Antonio
Keywords: Mastofauna Jaqueira, PE; Mamíferos; Mata Atlântica Nordestina; Metapopulação - Modelo
Issue Date: 2007
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Paulo da Silva Júnior, Antonio; Rossano Mendes Pontes, Antônio. Status conservacionista da mastofauna em fragmentos de Mata Atlântica Nordestina. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Abstract: O presente estudo teve como objetivo amostrar a mastofauna, de médio e grande porte, da RPPN Frei Caneca (08º 43`S e 035º 50`W), município de Jaqueira e área vizinha, no estado de Pernambuco, comparando a abundância e diversidade entre quatro fragmentos de diferentes tamanhos. A amostragem de mamíferos de médio e grande porte seguiu o método de Transecto em Linha, onde foram estabelecidas trilhas medindo entre 1,3 e 2 quilômetros de comprimento, (dependendo do tamanho e formato dos fragmentos) e 1 metro de largura, que foram percorridos a velocidade de 1 km/h, de dezembro de 2005 a novembro de 2006. Foram realizadas amostragens diurnas e noturnas com o mesmo esforço amostral, onde os censos diurnos ocorreram antes do nascer do sol, nos horários das 04:30 às 10:30h da manhã e as amostragens noturnas ocorreram antes do pôr do sol, aproximadamente entre as 16:30 e 22:30h. Para se ter a listagem das espécies da área, utilizou-se entrevista com os nativos, análise de pegadas, vocalizações, carcaças e pêlos encontrados. Utilizou-se a taxa de avistamento para comparar a densidade das espécies encontradas. Comparou-se a lista das espécies encontradas com a lista das espécies de médio e grande porte esperadas para o CEPE. Foram visualizadas 17 espécies, num total de 52 avistamentos, as espécies mais abundantes foram: Callithrix jacchus, Guerlinguetus alphonsei, Nasua nasua e Dasyprocta aguti. Não houve diferenças entre o número de avistamentos realizados entre os fragmentos, nem quando se comparou os meses mais chuvosos e os mais secos, não houve diferença nos avistamentos entre as espécies noturnas, diurnas ou catemerais. A lista das espécies encontradas foi de 23 espécies. Seis espécies foram vistas em áreas abertas, fora das trilhas. As guildas predominantes das espécies encontradas foram a dos Frugi-onívoros e frugi-granívoros. A estrutura dos fragmentos e a matriz na qual eles estão imersos, permitem que as espécies se movam entre os demais fragmentos, homogeneizando a riqueza de espécies nos diversos fragmentos, o que indica que a comunidade de mamíferos local, pode estar seguindo o modelo de metapopulações
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/724
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Biologia Animal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1775_1.pdf352.09 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.