Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7233
Title: Prestação de serviços de natureza comunitária da extensão da Fafire: projeto semeando futuro
Authors: Ligia Pessoa de Melo Souza, Ana
Keywords: Extensão Universitária; Economia Solidária; Ação Pública
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ligia Pessoa de Melo Souza, Ana; Wanderley Lubambo, Cátia. Prestação de serviços de natureza comunitária da extensão da Fafire: projeto semeando futuro. 2010. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Gestão e Pública p/ o Desenvolvimento do Nordeste, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: Esta dissertação procura refletir sobre uma das atividades da extensão em uma instituição de ensino superior confessional comunitária, a Faculdade Frassinetti do Recife FAFIRE. O objeto de estudo escolhido foi o Projeto Semeando Futuro, que tem como foco a economia solidária. Partindo-se de uma evolução histórica da extensão foi dado destaque, não só à influência da Igreja Católica no movimento extensionista, mas às importantes contribuições destas IES, através dos Fóruns Nacionais de Extensão e Ação Comunitária das Universidades e IES Comunitárias, bem como ao tema da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão. O Projeto Semeando Futuro faz parte da Incubação FAFIRE, sendo a única instituição de ensino superior, de caráter privado, a possuir uma ITCP. Por se tratar de uma instituição católica, fez-se necessário refletir sobre a economia solidária, por constituir o conjunto de princípios de referência adotado no projeto, assim como traçar aspectos legais e instituições tanto da extensão como da economia solidária. Do ponto de vista metodológico, trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa, configurando-se como exploratória, descritiva, bibliográfica e documental culminando com a realização de 30 (trinta) entrevistas, com as artesãs do Semeando Futuro, no âmbito do estudo de caso, acrescida do acompanhamento em reuniões mensais com o grupo de artesãs, de visitas domiciliares e da realização de um grupo focal. As investigações aconteceram no período de julho de 2009 a julho de 2010. Observa-se que nitidamente há a intenção em reafirmar caráter público não estatal da faculdade, ao projetar o conhecimento acadêmico para além da sua estrutura física, que a FAFIRE desenvolve uma prestação de um serviço de natureza comunitário desenvolvida na extensão com nuances de economia solidária. Apesar disto, este estudo nos levou a alguns questionamentos para o debate: as atividades do Projeto Semeando Futuro convergem para alguma prática acadêmica (ensino) e para a pesquisa? As atividades neste projeto são realmente uma demanda e necessidade de comunidade para a realização de uma efetiva atividade de extensão? Será que esta atividade de extensão é realmente uma alternativa de economia solidária? De que forma as artesãs percebem os aspectos teóricos sobre este assunto nas suas relações enquanto grupo? Até que ponto as atividades realizadas pelo Semeando Futuro é uma prestação de serviço público e/ou a expressão de uma ação pública protagonizada pela faculdade?
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7233
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo365_1.pdf1.45 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.