Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7126
Title: A transformação histórica do gênero capa de jornal
Authors: Maria Travassos de Aguiar, Tarcisia
Keywords: Gênero textual; Capa de jornal; Transformação histórica
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Maria Travassos de Aguiar, Tarcisia; de Barros Pessoa, Marlos. A transformação histórica do gênero capa de jornal. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: Esta pesquisa tem como objetivo geral traçar o percurso histórico do gênero capa de jornal e situa-se no campo dos estudos linguísticos da Análise de Gênero Textuais. Os objetivos específicos são: a) descrever as características do gênero capa de jornal; b) verificar a diversidade genérica presente nesse gênero; e c) acompanhar as transformações ocorridas no gênero capa de jornal, ao longo do tempo, do ponto de vista organizacional e funcional. Buscamos apoio teórico nos seguintes estudiosos da área: Bakhtin (1986, 1992); Miller, (1984, 1994, 2009); Bazerman, (2005, 2006, 2007) e Marcuschi, (2000, 2003, 2004, 2008). Entre os princípios teóricos desses autores destacamos os seguintes conceitos: dialogismo; gêneros textuais como formas de ação social; estabilidade relativa dos gêneros; recorrência; tipificação; historicidade e dinamicidade dos gêneros e intergenericidade. Também buscamos respaldo teórico nos seguintes autores da história da imprensa e da prática jornalística: Ferreira Jr., (2003); Jambo, (1975); Pessoa, (2002, 2004, 2005); Silva, (1985); Erbolato, (1981); Sodré, (2003). O corpus de pesquisa constitui-se de 90 capas do Diário de Pernambuco publicados entre 1825, ano do surgimento do Diário, e 2005, ano em que completou 180 anos. Ao acompanhar o percurso do gênero capa de jornal através do periódico mais antigo da América Latina, o Diário de Pernambuco, observamos que este gênero incorporou e refletiu, ao longo do tempo, transformações definidas sócio-historicamente. Hoje, a capa de jornal caracteriza-se, principalmente, pela presença dos componentes fixos cabeçalho, manchetes, fotografias, legendas e chamadas de capa, os quais concorrem para que a mesma cumpra as seguintes funções: identificar o jornal; anunciar o conteúdo e apontar o local onde o texto se encontra; e persuadir o leitor quanto à leitura e compra do periódico
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7126
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Linguística

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1822_1.pdf9.47 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.