Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6930
Título: As novas faces da fome na pós-modernidade: o caso do município de Floresta - Pernambuco
Autor(es): Luiz da Silva, João
Palavras-chave: Floresta;Josué Castro;Fome
Data do documento: 2007
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Luiz da Silva, João; José de Sá, Alcindo. As novas faces da fome na pós-modernidade: o caso do município de Floresta - Pernambuco. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Resumo: Este trabalho teve como objeto de estudo a fome , o foco principal foi o livro A Geografia de Fome de Josué de Castro. O Objetivo desta dissertação foi analisar o problema da fome na atualidade a partir de mecanismos de superação ou camuflagem da mesma, tendo por base as obras de Josué de Castro e tendo o município de Floresta como campo de pesquisa. Partiu-se do pressuposto que diante da evolução da sociedade no que diz respeito à luta por melhores condições de vida em especial após a ditadura militar e com a globalização, alguns conceitos sobre a fome que foram exposto por Josué de Castro continuam valendo até hoje, outros adquiriram novas roupagens e outros foram extintos. Para a realização desse estudo, utilizou-se um vasto material bibliográfico, visando fundamentar a análise do ponto de vista empírico e teórico. No desenvolvimento do estudo utilizou-se, também, informações estatísticas, cartográficas e de pesquisa direta, esta última realizada através de entrevista com famílias da área rural e urbana do município de Floresta PE. Constatou-se, com a análise, que, a fome diminuiu neste município de forma considerável em função do melhor desenvolvimento da agricultura irrigada, do desenvolvimento da ovinocaprinocultura, do crescimento do comércio varejista, implantação de indústrias, aposentadorias, ação de ONGs (Organizações não Governamentais) e de algumas políticas públicas, estas últimas, apresenta-se de forma mais assistencialistas e não como políticas de reparação permanente
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6930
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Geografia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo6958_1.pdf7,74 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.