Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6780
Título: Propriedades magnéticas de fluidos magnéticos de dupla camada elétrica à base de ferrita de cobalto
Autor(es): Eroni Paz dos Santos, Francisco
Palavras-chave: Magnetização; Modelo de Langevin; Ferrofluidos
Data do documento: 2005
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Eroni Paz dos Santos, Francisco; Cavalcanti Montenegro, Frederico. Propriedades magnéticas de fluidos magnéticos de dupla camada elétrica à base de ferrita de cobalto. 2005. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Física, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.
Resumo: Fluidos magnéticos vem se constituindo um tópico de grande destaque em termos de pesquisa teórica e experimental. Esses sistemas, compostos de nanopartículas mon¬odomínios dispersas em líquido carreador, apresentam propriedades magnéticas e líquidas que os tornam bastante versáteis, possibilitando o desenvolvimento de inúmeras aplicações. O conhecimento detalhado dessas propriedades é importante no desenvolvimento de aplicações tecnológicas, que vão desde a fabricação de impressoras que utilizam tintas magnéticas, selos e juntas para alto vácuo, até aplicações biológicas. Nesse sentido, estu¬damos as propriedades magnéticas de amostras de fluidos magnéticos de dupla camada elétrica, composto de nanopartículas de ferrita de cobalto, para diferentes diâmetros médios (4,5nm-ll,6nm). Medidas de difração de raios X foram realizadas para investigar a estrutura cristalina e fornecer o diâmetro médio das partículas que compõem os ferrofluidos. As medidas de magnetização estática foram realizadas através de um Magnetâmetro do tipo Foner. As curvas de magnetização em função do campo magnético, obtidas para as diferentes amostras, apresentaram um comportamento superparamagnético. Também, verificamos que a magnetização de saturação reduz à medida que diâmetro médio é reduzido, eviden¬ciando os efeitos de superfície. Trabalhamos com o modelo Langevin, juntamente com a distribuição log normal, para considerar a polidispersão, sobre as curvas de magnetização. Desta forma foi possível determinar os parâmetros de distribuição de diâmetros (dispersão e diâmetro médio) e momentos. Além disso. verificamos que a relação ele momento médio e diâmetro médio com ferritas ele Manganês e Cobre. Analisamos o comportamento ela magnetização ele saturação elas amostras de ferrofluidos à base ele Cobalto com valores típicos ele amostras à, base de Manganês e Cobre. E por fim verificamos que em nossas amostras apresentam interação dipolar totalmente desprezível a partir da análise de baixos campos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6780
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Física

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo7880_1.pdf2,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.