Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6644
Title: Aspectos hidrogeológicos da região costeira norte de Pernambuco - Paulista a Goiânia
Authors: Teixeira Oliveira, Leanize
Keywords: Água subterrânea, aqüífero , Hidrogeologia, Geologia, Aqüífero Beberibe.
Issue Date: 2003
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Teixeira Oliveira, Leanize; Geilson Alves Demetrio, José. Aspectos hidrogeológicos da região costeira norte de Pernambuco - Paulista a Goiânia. 2003. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Geociências, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2003.
Abstract: A área de estudo está compreendida entre as coordenadas geográficas de latitude S07º27´34 e 07º58´55 e longitude W034º48`29 e 035º08´45 , e abrange os municípios de Paulista, Abreu e Lima, Araçoiaba, Itamaracá, Igarassu, Itapissuma, Goiana e Itaquitinga. Atividades econômicas terciárias e secundárias são predominantes na porção sul da área, e atividades agrícolas na porção norte. Problemas sociais e dificuldades do ponto de vista dos recursos hídricos impedem o pleno desenvolvimento econômico. O objetivo principal desta pesquisa é o levantamento dos principais aspectos da hidrogeologia da área de estudo. Foram utilizadas informações de perfis litológicosconstrutivos de poços, testes de bombeamento e boletins de análise físico-química de 388 poços tubulares, além de dados bibliográficos que possibilitaram a confecção dos mapas de contorno estrutural do embasamento cristalino, potenciométrico, transmissividade e isópacas do aqüífero Beberibe. A recarga do aqüífero Beberibe pode ser preliminarmente analisada através do balanço hídrico elaborado a partir de dados de precipitação pluviométrica, evapotranspiração potencial e deflúvio. A geologia é representada pelo Grupo Paraíba, além de depósitos quaternários e Formação Barreiras, assentados sobre o embasamento cristalino. Do ponto de vista hidrogeológico destaca-se a ocorrência dos aqüíferos intersticiais Beberibe/Itamaracá, Barreiras e Depósitos de cobertura, além do aqüífero fissural representado pelo Embasamento Cristalino. Os resultados obtidos demonstram alguns aspectos relevantes quanto à geometria dos aqüíferos e dinâmica da água subterrânea. Foi realizado ainda um zoneamento, denominado de Zoneamento de Áreas de Explotação (ZAE), distinguindo-se quatro zonas denominadas de Zonas I, II, III e IV, sendo esta última subdividida em subzonas denominadas IVA, IVB e IVC
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6644
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Geociências

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo6904_1.pdf4.03 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.