Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6575
Título: Consórcios intermunicipais para gestão de resíduos sólidos urbanos: analise da implementação do portal Mata Sul
Autor(es): Ferreira Farias Filho, Waldecy
Palavras-chave: Resíduos sólidos urbanos;Gestão integrada;Consórcios intermunicipais
Data do documento: 2007
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Ferreira Farias Filho, Waldecy; Vieira de Melo, Ivan. Consórcios intermunicipais para gestão de resíduos sólidos urbanos: analise da implementação do portal Mata Sul. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Gestão e Políticas Ambientais, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Resumo: A gestão integrada de resíduos sólidos urbanos é consenso entre especialistas das áreas de saneamento como uma solução eficiente e eficaz sobre o manejo dos resíduos sólidos, na qual os Consórcios de Desenvolvimento Intermunicipal são considerados instrumentos viabilizadores do modelo. O objetivo principal desta pesquisa foi o de analisar os principais aspectos do processo de implementação do Consórcio de Desenvolvimento Intermunicipal Portal Mata Sul. O referido Consórcio é formado pelos Municípios de Rio Formoso, Tamandaré e Sirinhaém e, está localizado na Região da Zona da Mata Sul do Estado de Pernambuco - Brasil. A decisão de realizarmos este estudo de caso único descritivo se deveu aos seguintes fatos: 1) a conveniência devido ao fato do pesquisador desempenhar em seu trabalho questões relativas à gestão de resíduos sólidos urbanos; 2) a facilidade de acesso aos dados existentes sobre o tema, quantidade significativa de dados e a proximidade geográfica do objeto da pesquisa; 3) ineditismo da pesquisa na região, pois se constatou, através de consultas bibliográficas que há trabalhos já produzidos sobre consórcios de desenvolvimento intermunicipal, na sua maioria, os trabalhos abordam apenas questões referentes à sua instalação, mas, raras são as abordagens referentes à efetividade destes; 4) o fato do Consórcio ser um projeto piloto no Estado de Pernambuco-Brasil e a perspectiva governamental da experiência exitosa do seu Modelo de Gestão vir a ser considerado referencial para a instalação de novos consórcios no Estado; 5) constatação dos vários problemas enfrentados pelo Consórcio que estão prejudicando sua efetividade. Para viabilizar o estudo de caso, utilizou-se como instrumento de coleta de dados a consulta a documentos e entrevistas semi-estruturadas, seguindo um roteiro pré-estabelecido, junto aos principais atores responsáveis pela implementação do Consórcio. Os resultados do estudo mostram-se valiosos para formulação de políticas e gestão pública de consórcios intermunicipais dedicados a resíduos sólidos urbanos. Isso ocorre à medida que esclarece limitações sobre a gestão integrada regionalizada de resíduos sólidos urbanos e, portanto, sobre a efetividade de tais empreendimentos. A pesquisa contribuiu para identificar aspectos relevantes no processo de implementação do Consórcio, descrevendo pontos fortes e fracos da sua concepção e gestão, e a partir desta experiência recomendou aos gestores públicos questões consideradas relevantes para implementação de novos consórcios
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6575
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Gestão e Políticas Ambientais

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo8197_1.pdf2,36 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.