Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6354
Título: Sobre a Relação entre a Moral e a Religião em Kant
Autor(es): COELHO, João Bosco Fonseca
Palavras-chave: Kant; Religião; Moral
Data do documento: 2003
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Bosco Fonseca Coelho, João; Markenson, Roberto. Sobre a Relação entre a Moral e a Religião em Kant. 2003. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2003.
Resumo: Este trabalho pretende investigar a relação entre a religião e a moralidade no pensamento kantiano. Trata-se de uma proposta inovadora na medida em que pretende dissociar a moral da religião, contrariando o que fora feito pelos teólogos dogmáticos até Kant quando, afirmando provas racionais da existência de Deus, asseguravam N ele, o princípio de toda a moralidade. Kant, pelo contrário, não procurava na fé, na religião ou mesmo em Deus o fundamento da Moral, antes, busca assentá-la, segura e tão-somente, em princípios de razão. A crítica à religião, começa pela derrubada do argumento ontológico, para, em seguida, ser estabelecida como um serviço dos corações ou a observância dos verdadeiros deveres como mandamentos divinos. Dessa forma, assentada no conceito de dever, que requer o pressuposto da independência da vontade a meros princípios empíricos, portanto da liberdade, a Moral é a autonomia de uma vontade que se fundamenta enquanto princípio obrigante do arbítrio, que por dar a si mesmo a Lei, é essencialmente livre
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6354
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Filosofia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo6815_1.pdf1,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.