Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/633
Título: Permanência e continuidade : grupos ceramistas pré-históricos na área do Parque Nacional Serra da Capivara - Piauí
Autor(es): SILVA, Leandro Surya Carvalho Oliveira
Palavras-chave: cerâmica pré-histórica; tecnologia de produção; etno-história do Piauí
Data do documento: 2006
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Surya Carvalho Oliveira Silva, Leandro; Alves de Oliveira, Cláudia. Permanência e continuidade : grupos ceramistas pré-históricos na área do Parque Nacional Serra da Capivara - Piauí. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Antropologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Resumo: O estudo sistemático dos vestígios cerâmicos pré-históricos no Brasil é relativamente recente. Os remanescentes existentes nos abrigos Toca da Baixa dos Caboclos, Toca do Serrote do Tenente Luiz e Toca do Pitombi, localizados no Parque Nacional Serra da Capivara (Parna), no Estado do Piauí, área de grande densidade de sítios arqueológicos, constituíram o objeto do estudo, inserido no Projeto A cerâmica pré-histórica de São Raimundo Nonato . A pesquisa objetivou delinear o perfil cerâmico e assim identificar outros aspectos culturais do modo de vida desses povos pretéritos. O estudo dos remanescentes cerâmicos encontrados nos abrigos baseou-se nos procedimentos executados nas pesquisas dos sítios Aldeia Queimada Nova, Barreirinho, Baixão da Serra Nova e Cana Brava. Os fragmentos cerâmicos dos sítios em estudo foram agrupados em unidades, analisados e identificados. Os atributos analisados foram: a pasta, a técnica de manufatura, a queima, o tamanho dos fragmentos, os tratamentos de superfície (incluindo o tipo de decoração), além da freqüência de aparecimento de determinado tipo de objeto. Dentre os resultados obtidos, o mais importante foi a identificação de uma tecnologia de produção diferenciada nos vestígios da Toca da Baixa dos Caboclos, em relação aos outros sítios estudados. Esse fato, aliado às informações provenientes de pesquisas etnohistóricas, pode indicar um processo de deslocamento populacional do grupo que produziu esses vestígios
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/633
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Antropologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo2340_1.pdf2,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.