Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6318
Title: Agricultura Convencional e Modernização dos Sistemas Agrícolas no Âmbito da Agricultura Familiar em Sítios Novos, Salgueiro - PE
Authors: OLIVEIRA, Carlos Antônio de
Keywords: Agricultura familiar; Inovação de sistemas agrícolas; Salgueiro; Nordeste; Semi-árido
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Antônio de Oliveira, Carlos; Augusto Amorim Maciel, Caio. Agricultura Convencional e Modernização dos Sistemas Agrícolas no Âmbito da Agricultura Familiar em Sítios Novos, Salgueiro - PE. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: A agricultura familiar brasileira se firma no espaço agrário como um setor da agricultura responsável pela produção de gêneros alimentícios para a população. Ao longo dos cinco séculos de existência do Brasil, a agricultura familiar acabou sendo dotada de uma imensa diversidade que se acentua quando expomos seus traços regionais. Embutidas nesta diversidade estão as dificuldades enfrentadas pela pequena produção que acabam sendo o cerne de vários títulos empregados para se referir de maneira pejorativa à agricultura familiar. E no contexto da agricultura familiar nacional temos agricultores inseridos no mundo moderno do agronegócio e aqueles que estão à margem das inovações do setor agrícola. É no Nordeste onde se concentram os agricultores familiares tidos como mais pobres da federação brasileira, em contra partida existem grupos de agricultores que estão superando dificuldades e proporcionando uma mudança no quadro sócio-econômico de sua comunidade rural ao adotar inovações tecnológicas que não estão restritas ao uso de fertilizantes ou mesmo maquinários e sim no uso de métodos e procedimentos de plantio, sementes de qualidade, adequando se às exigências do mercado, assim a agricultura familiar potencializa sua competitividade. e pode sobreviver diante da competitividade que ronda as relações capitalista comerciais. Nestas circunstâncias emerge a comunidade de Sítios Novos situada no Distrito de Umãs do município de Salgueiro-PE. Procuramos especificamente evidenciar mudanças quanto ao sistema agrícola, compreendendo como estas podem viabilizar uma melhoria na qualidade de vida dos agricultores locais, bem como apontar seus entraves e impasses. O nosso trabalho abarcou duas etapas importantes em uma pesquisa: gabinete e campo. Durante a etapa de gabinete buscamos um levantamento bibliográfico, cartográfico acerca da área de estudo e do tema da pesquisa. Durante a realização da etapa de campo coletamos informações a respeito da agricultura familiar e o processo de inovação dos sistemas agrícolas em sítios Novos através da aplicação de questionários e da observação direta. Depois reunimos todas as informações, analisamos e interpretamos dados para em seguida iniciar a estruturação e confecção do texto. Revelar a importância da agricultura familiar, aguça a atenção que deve ser dada a este setor agrícola com formulação de políticas de desenvolvimento sem cunho assistencialista, mas tenham tais políticas a verdadeira intenção de permitir a potencialização das vantagens da pequena produção e reduzam as desvantagens como também as dificuldades enfrentadas pelos agricultores familiares. Assim, terão possibilidades de melhorar sua condição de vida e daqueles que dependem de seu trabalho
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6318
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3534_1.pdf4.65 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.