Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6217
Title: Diversidade arbóreo-arbustiva da caatinga e cerrado piauienses : uma aplicação ao meio urbano
Authors: Ribeiro Barbosa Machado, Roselis
Keywords: Biogeografia; Paisagem urbana; Espécies nativas
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ribeiro Barbosa Machado, Roselis; Cristina Gonçalves Pereira, Eugênia. Diversidade arbóreo-arbustiva da caatinga e cerrado piauienses : uma aplicação ao meio urbano. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: A riqueza florística do Brasil oferece um elenco vasto e diversificado de espécies para cada categoria de uso urbano, sendo ainda incipientes os estudos acerca das espécies dos Biomas Caatinga e Cerrado com a finalidade de inseri-las nas cidades. Este trabalho avaliou espécies arbóreas e arbustivas que ocorrem naturalmente na Caatinga e Cerrado piauienses, reunindo informações botânicas e paisagísticas, que permitiram relacionar aquelas mais indicadas para os vários usos no ambiente urbano. Foram elaborados mapas de revitalização da paisagem urbana, em seqüência temporal, atualizando dados de áreas verdes do município com indicação das áreas de maior e menor intensidade de calor, em função da cobertura vegetal. Quatro artigos foram produzidos: o primeiro deles registra as características botânicas e paisagísticas de 10 espécies arbóreoarbustivas encontradas na Caatinga piauiense e 10, no Cerrado piauiense, baseadas em observações e informações obtidas in loco comparadas com a bibliografia específica; o segundo demonstrou a evolução temporal da paisagem urbana de Teresina, analisando a perda ou ganho de cobertura vegetal, com a utilização de softwares compatíveis com o propósito do estudo, com ênfase ao AUTOCAD e ENVI, evidenciando o zoneamento da paisagem, segundo adensamento arbóreo com indicação das ilhas de calor do município, tendo demonstrado que, apesar de uma redução no índice de cobertura vegetal da cidade nos últimos anos, estimou-se um índice de cobertura vegetal para a zona urbana de Teresina de 40%; o terceiro trata das possibilidades de propagação de mudas em viveiros das espécies comentadas no artigo primeiro, e o quarto registra as recomendações de uso urbano das espécies aqui investigadas. As 20 espécies selecionadas apresentam grande potencial para recomposição da paisagem urbana, contribuindo para a permanência da memória florística
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6217
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo684_1.pdf6.14 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.