Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6201
Title: Tratamento dos resíduos de gesso da construção e da demolição- RCD para a produção de gesso beta reciclado
Authors: LIMA FILHO, Hilário Jorge Bezerra De
Keywords: Hemhidratado;Gipsita;Planejamento de Experimentos;Forno Rotativo;Resíduos da Construção e Demolição
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Jorge Bezerra De Lima Filho, Hilário; Benachour, Mohand. Tratamento dos resíduos de gesso da construção e da demolição- RCD para a produção de gesso beta reciclado. 2010. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: O tratamento dos resíduos da construção e demolição (RCD) no Brasil é uma questão ambiental pouco explorada, refletindo numa evolução lenta no quesito sustentabilidade. O presente trabalho tem por objetivo estudar a calcinação dos resíduos de bloco de gesso utilizando o gás natural (GN) como combustível em forno rotativo piloto contínuo, para a produção de gesso beta reciclado. Para atingir estes objetivos foi realizado um planejamento de experimentos, uma técnica utilizada para combinar todas as variáveis do processo em todos os níveis. Nessa metodologia foram avaliados os efeitos de três fatores: velocidade de rotação do cilindro, temperatura de controle da combustão e vazão de alimentação de sólidos. Cada um foi estudado em três níveis: baixo, médio e alto. Para determinar a significância de cada fator e de suas interações foi utilizado o modelo estatístico de Análise de Variância (ANOVA) utilizando o software Statistica®. Foram obtidos coeficientes de regressão significativos, originando um modelo matemático para a variável resposta (teor de hidratação). Esta equação determina em que condições de calcinação obtem-se maior grau de conversão de gipsita em hemidrato no interior do forno. Uma vez identificada às condições ótimas de calcinação, foram realizados experimentos adicionando-se frações de gipsita aos resíduos de bloco de gesso nos seguintes valores: 0 (resíduo puro), 50, 70, 80 e 88%. A gipsita utilizada possui partículas com diâmetro médio de 0,158 mm. Os resíduos de bloco de gesso tiveram sua granulometria máxima limitada pelo peneiramento através de peneira com abertura de dois milímetros, antes de serem utilizados como matéria-prima para calcinação. Em cada ensaio foram avaliadas as propriedades físico-químicas e mecânicas do material produzido, e os resultados obtidos foram comparados com as especificações exigidas pela norma NBR 13207, para o recebimento do gesso a ser utilizado na fundição ou revestimento. O processo de calcinação dos resíduos de bloco de gesso apresentou resultados promissores, produzindo um gesso beta reciclado que cumpre parcialmente as exigências normativas, utilizando uma fração igual ou maior do que 80% de gipsita. Desta forma, conclui-se que é possivel reutilizar e comercializar os resíduos de gesso gerado pela construção civil após o devido tratamento, passando a representar uma alternativa economicamente interessante para os geradores deste tipo de resíduo, evitando sua disposição nos aterros sanitários e lixões
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6201
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo167_1.pdf7.83 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.