Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6179
Title: Análise cariotípica, heterocromatina constitutiva e frequência de expressão das RONs em duas espécies de Melanoplinae (Orthoptera: Acrididae)
Authors: Miranda do Nascimento, Jéssica
Keywords: Melanoplinae;Cariótipo;HC;RONs
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Miranda do Nascimento, Jéssica; José de Souza Lopes, Maria. Análise cariotípica, heterocromatina constitutiva e frequência de expressão das RONs em duas espécies de Melanoplinae (Orthoptera: Acrididae). 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Genética, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: A subfamília Melanoplinae constitui um grupo de gafanhotos com a maior diversidade cariotípica dentro de Acrididae. O objetivo principal deste trabalho foi estudar cromossomos meióticos dos melanoplíneos Baeacris punctulatus e Dichroplus fuscus através de diferentes técnicas citogenéticas. Baeacris punctulatus e D. fuscus apresentaram os cariótipos 2n=23,X0 e 2n=19,X0, respectivamente. Em D. fuscus, o bivalente P9 apresentou comportamento megamérico durante o ciclo meiótico. A localização da heterocromatina constitutiva (HC) foi preferencialmente pericentromérica, embora ocorram blocos adicionais nas duas espécies. A coloração CMA3/DA/DAPI evidenciou blocos CMA3 positivos, correspondendo a HC detectada pelo bandeamento C de todos os cromossomos, com exceção dos blocos terminais de alguns cromossomos nas duas espécies e de um bloco CMA3 positivo intersticial sem marcação para o bandeamento C em B. punctulatus. A coloração com DAPI foi uniforme em B. punctulatus, enquanto que em D. fuscus, os blocos CMA3 positivos foram DAPI negativos. A impregnação com AgNO3 e a FISH mostraram seis regiões organizadoras de nucléolos (RONs) em B. punctulatus e duas, em D. fuscus. Na primeira espécie foi observada expressiva variação na atividade das RONs. Os dados obtidos neste trabalho revelaram a existência de uma grande variabilidade cariotípica, tanto em relação ao número diplóide quanto aos padrões de localização e composição da HC e de distribuição das RONs, incluindo um padrão inédito para Acridoidea referente ao número e frequência de atividade das RONs
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6179
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Genética

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3669_1.pdf935.18 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.