Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6126
Título: A gestão social da água na sub-bacia hidrográfica do Rio do Peixe : semiárido paraibano
Autor(es): Gomes de Assis, Edvania
Palavras-chave: Semiárido;Bacias Hidrográficas;Água;Gestão;Sociedade
Data do documento: 31-Jan-2010
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Gomes de Assis, Edvania; Tôrres Aguiar Gomes, Edvânia. A gestão social da água na sub-bacia hidrográfica do Rio do Peixe : semiárido paraibano. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Resumo: A relação sociedade-natureza tem se tornado nos últimos tempos um vetor de estudos como forma de aprofundar as discussões sobre a sustentabilidade da vida no planeta. Este trabalho de tese tem como objetivo principal apresentar uma discussão da gestão das águas tanto na esfera global quanto local, tendo como foco principal os problemas enfrentados pela sociedade, pelo poder público e pelas organizações da sociedade civil do destino, das águas nas bacias hidrográficas. Neste sentido, a Gestão Social da Água foi escolhida como tema centralizador deste estudo pela busca de um foco voltado para o papel da gestão compartilhada e participativa da sociedade e pelo acesso da mesma quando se refere à água como fonte centralizadora na manutenção da vida. Para definição do objeto de estudo optou-se pelas comunidades presentes na Sub-bacia Hidrográfica do Rio do peixe, localizada no semiárido paraibano centralizado no Perímetro Irrigado de São Gonçalo, Município de Sousa (objeto piloto). A metodologia utilizada se ancorou na aplicação de questionários semi-estruturados, entrevistas e de observação, na análise empírica e da história oral como ponte de investigação e da participação da sociedade, definido pelos moradores, gestores, líderes comunitários, agricultores e produtores rurais localizados na Sub-bacia e que se utilizam diretamente da água para os diversos fins. Os resultados apontaram que a água do mundo inteiro está doente por causa dos inúmeros impactos negativos sofridos pela mesma. Foi verificado que na Sub-bacia hidrográfica do rio do peixe a gestão social da água ainda é muito tímida e descentralizada no que concerne à reunião de forças em prol da defesa e de sua sustentabilidade. Foi presenciado que 40% dos entrevistados na região do Perímetro irrigado de São Gonçalo, município de Bom Jesus e Sousa, ainda não estão preparados para esta nova versão de sensibilização ambiental no uso racional da água. Ficou evidente que na Sub-bacia do rio do peixe a gestão social da água través dos órgãos gestores estão supridos de planos de gestão e documentos para incentivar o resguardo e o gerenciamento das águas, o que falta é um direcionamento maior para a sociedade, consumo e sustentabilidade e sua inclusão como elemento primordial para gestão social. A contribuição para a uma equitativa gestão social da água na Sub-bacia do rio do peixe fixou uma nova alusão de discussão entre sociedade/água/gestão
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6126
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Geografia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo475_1.pdf4,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.