Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6035
Title: Epidemiologia e genética molecular do diabetes mellitus tipo 2 no município de Triunfo, Pernambuco
Authors: Lyra da Silva Filho, Ruy
Keywords: Pernambuco; TC7L2; hipertensão arterial sistêmica; síndrome metabólica; diabetes mellitus tipo 2; prevalência; Triunfo
Issue Date: 31-Jan-2010
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Lyra da Silva Filho, Ruy; Dos Santos Silva, Rosilda. Epidemiologia e genética molecular do diabetes mellitus tipo 2 no município de Triunfo, Pernambuco. 2010. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Genética, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Abstract: O Diabetes Mellitus é um importante e crescente problema de saúde no mundo, sua prevalência vem aumentando nas últimas décadas, adquirindo características de epidemia. O número de pessoas com esse tipo da doença deverá duplicar nos próximos 10 a 25 anos. Juntamente a essa doença, cresce também o número de portadores de obesidade, hipertensão arterial e síndrome metabólica. O gene fator de transcrição 2 semelhante ao 7 (TCF7L2) está localizado no cromossomo 10 e está envolvido na via de sinalização Wnt, que faz parte de uma classe de ligantes de profunda importância no processo de desenvolvimento dos organismos multicelulares. Este gene tem sido fortemente associado com aumento de risco para diabetes mellitus tipo 2. Até o momento não existem estudos a respeito dessa associação na população nordestina. Numa amostra de 112 diabéticos e 228 não diabéticos residentes em Triunfo, foram analisados quatro SNPs (polimorfismos de nucleotídeo simples) do gene TCF7L2: rs7903146; rs7901695; rs12255372 e rs11196205, as freqüências genotípicas para cada SNP e as freqüências dos respectivos alelos de risco. Verificou-se que esta associação existe também no Sertão Nordestino. A análise genética mostrou associação significante com diabetes mellitus tipo 2 para os SNPs rs7903146 e rs12255372 (p = 0,03 e p = 0,01, respectivamente) bem como para os haplótipos em duplas, triplas e quádruplas. Foi ainda realizado no Distrito de Canaã, Município de Triunfo PE, um levantamento dos dados das famílias locais a fim de estabelecer a prevalência de hipertensão arterial, síndrome metabólica e diabetes mellitus 2 naquela população. As prevalências de hipertensão arterial, síndrome metabólica e diabetes mellitus 2 foram submetidas à análise estatística e genético-populacional, tendo como background o sexo, idade, renda mensal, grau de escolaridade, atividade física, tabagismo, índice de massa corpórea. Numa amostragem, de 198 indivíduos a prevalência de hipertensão arterial foi 64,0%, de síndrome metabólica 48,5% e de DM2 13,6%. A prevalência de DM2 supera a encontrada no último estudo multicêntrico nacional (7,6.%) o que é um fato a ser anotado para as condições de vida do Sertão Nordestino
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6035
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Genética

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3095_1.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.