Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5895
Título: Estações de metrô como centralidade urbana: o caso da linha Sul do metrô do Recife
Autor(es): AMORIM, José Adriano Alves de
Palavras-chave: Metrorec; Linha Sul; Ordenamento urbano; Desenvolvimento; Melhoramento urbano; Centralidades
Data do documento: 31-Jan-2011
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Adriano Alves de Amorim, José; Cavalcanti da Costa Lima Neto, Oswaldo. Estações de metrô como centralidade urbana: o caso da linha Sul do metrô do Recife. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Resumo: Esta dissertação tem como ponto de partida de estudo a premissa de que a Linha Sul do Metrorec, por ser o modo de transporte público mais refinado do ponto de vista de ofertar um excelente nível de serviço, por operar em via própria, oferecendo alta capacidade, alta velocidade de operação, consequentemente tempo de viagens reduzidos, alta frequência, alta regularidade, conforto e por estar associado ao Sistema Estrutural Integrado-SEI tem um grande potencial de funcionar como um importante impulsionador e ordenador do desenvolvimento urbano e do uso do solo nos entornos de suas estações localizadas nos municípios de Recife e Jaboatão dos Guararapes. Portanto o principal objetivo desta dissertação é analisar e constatar se a Linha Sul do Metro conseguiu proporcionar desenvolvimento urbano aos arredores das suas Estações e se eles se configuram como centralidades. Adotou-se como metodologia a Dinâmica de Sistemas, que possibilita compreender e diagnosticar a estrutura e o comportamento dinâmico de sistemas complexos, dada a sua composição por ciclos de causação circular ou enlaces de feedback interagentes (Valença,2007). A escolha da Linha Sul do Metrô do Recife para estudo se justifica pela recente inauguração e a importância do sistema sobre trilho para desafogar o tráfego na área sul da Cidade. Como resultado da análise se conclui que apesar do Metrô ser considerado como capaz de induzir desenvolvimento urbano, a falta de integração entre os diversos atores que se relacionam à questão não tem colaborado para promover o desenvolvimento dos arredores das Estações da Linha Sul, dificultando a transformação desses espaços em centralidades urbanas
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5895
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Engenharia Civil

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo7528_1.pdf4,25 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.